Presidente da Fiesp firma acordo com Universidade Sorbonne de Paris

Rosângela Bezerra, Agência Indusnet Fiesp

Da esq. p/ dir.: Jean-Claude Colliard, Paulo Skaf e José Carlos Oliveira Lima, durante assinatura da carta de intenções entre Fiesp e Sorbonne, em Paris

Foi assinada nesta terça-feira (08/11) carta de intenções entre a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), representada pelo presidente Paulo Skaf, e a Universidade Paris 1 Panthéon – Sorbonne, em Paris, na França.

A cerimônia faz parte da missão empresarial Fiesp/Batimat 2011, formada por 130 dirigentes de entidades de classe (sindicatos e associações), para participar da maior feira mundial do setor da construção civil, que acontece entre 7 e 12 de novembro, na capital francesa.

A parceria entre a Fiesp e a Sorbonne tem como objetivo viabilizar a atuação conjunta na realização de estudos, apoio técnico e promoção de cursos. E, ainda, a troca de informações e divulgação de resultados alcançados referentes à cadeia produtiva.

Paulo Skaf ressaltou a importância da Universidade, instituição de excelência e qualidade, que contribui para a formação das pessoas através do ensino. “Não há desenvolvimento sem educação. O conhecimento adquirido garante pleno sucesso e independência”, disse o presidente da Fiesp, que pretende ampliar o espaço da indústria brasileira na feira, em 2012.

Skaf convidou o reitor da Universidade, Jean-Claude Colliard, a visitar o Brasil e conhecer as instalações das escolas do Senai SP e as universidades focadas em tecnologias.

Colliard reforçou a importância do acordo entre as duas instituições: “Hoje há forte cooperação entre a academia e a iniciativa privada. Existe fronteira comum de interesses mútuos para a união entre o Brasil e a França, representados pela nossa instituição e a Fiesp”

Oportunidades de Negócios

Ao longo do dia, a Fiesp promoveu rodada de negócios para apresentar aos empresários estrangeiros as oportunidades existentes no Brasil. Foram 45 encontros que contaram com a presença de dez empresas brasileiras e 13 internacionais.