Senai-SP oferece 14 cursos superiores em Tecnologia no estado

Isabela Barros

A excelência no ensino técnico e profissionalizante não é a única marca do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP). Embora menos conhecidos, os cursos de nível superior oferecidos pela instituição se destacam, entre vários outros pontos, pelo alto índice de empregabilidade de seus alunos, muitas vezes acima dos 90%. Hoje, são 14 opções de graduação em Tecnologia oferecidas na capital e em outras oito cidades do estado. As inscrições para o próximo processo seletivo, aliás, estão abertas e seguem até o dia 20 de maio com vagas em dez cursos.

Todas as faculdades funcionam em unidades que já abrigam as escolas da rede. “É ótimo que as faculdades compartilhem as instalações das escolas, o que ajuda a manter o bom nível do ensino nas duas pontas”, explica o auditor educacional do Senai-SP José Carlos Manzano.

Entre os diferenciais dos cursos tecnológicos de nível superior oferecidos pela instituição, Manzano aponta a carga horária “significativa” de aulas práticas. “Os alunos vão às oficinas, usam os laboratórios, aproveitam a infraestrutura”, diz.

Outro destaque está na construção de um currículo com metodologia própria. E isso a partir das ideias elaboradas por um Comitê Setorial formado por sindicatos da indústria, especialistas na área tecnológica, acadêmicos e especialistas do Senai-SP. “Nossos cursos são desenvolvidos de acordo com as necessidades do mercado”, afirma Manzano. “A discussão coletiva dos currículos é fundamental”.

Assim, sem perder o foco nas demandas do setor manufatureiro, as faculdades do Senai-SP oferecem os seguintes cursos: Tecnologia em Manutenção Industrial, Alimentos, Automação Industrial, Eletrônica Industrial, Produção de Vestuário, Sistemas Automotivos, Produção Gráfica, Mecânica de Precisão, Polímeros, Processos Ambientais, Processos Metalúrgicos, Mecatrônica Industrial, Instrumentação Industrial e Fabricação Mecânica.

Emprego em alta

Na faculdade de Automação Industrial que funciona na Unidade Mariano Ferraz do Senai-SP, no bairro da Vila Leopoldina, em São Paulo, o índice de alunos que recebem o diploma já empregados é de 94%.

Diretor da unidade, Marcel Pereira Porto explica que, ali, a alta tecnologia à disposição dos estudantes ajuda a explicar o bom desempenho. “O vínculo com a indústria é grande, por isso dispomos de tantos equipamentos de última geração, como peças de robótica, sistemas elétricos e hidráulicos, plantas industriais para montagem e assim por diante”.

Aberto em julho de 2008, o curso ganhou uma pós-graduação em julho de 2012. “A nossa avaliação no MEC recebeu nota 5, a maior que uma faculdade pode receber”.

Nos corredores da faculdade de Produção Gráfica, também na capital paulista, no bairro da Mooca, a animação não é menor. Lá, a empregabilidade dos estudantes é superior a 95%. “É muito fácil achar ex-alunos nossos nas grandes empresas”, afirma Simone Ferrarese, coordenadora técnica do curso. “Somos a única instituição da América Latina a oferecer graduação e pós em indústria gráfica”.

Segundo ela, além das parcerias com as indústrias, que cedem equipamentos para as aulas, são oferecidos serviços como o núcleo de estratégia, por meio do qual são convidados empresários do setor para apresentar suas demandas. “Dessas discussões saem temas para projetos de conclusão de curso”.

Para o diretor do curso, Manoel Manteigas de Oliveira, o Senai-SP é uma referência “em nível mundial”. “Formamos profissionais com o perfil que a indústria procura”.

Casamento perfeito

Ex-aluno da graduação em Produção Gráfica, Wiliam Walter da Silva trabalhava numa gráfica enquanto estudava. “No dia seguinte a cada aula, aplicava na empresa o que aprendia”, diz. “Era um casamento perfeito entre teoria e prática”.

Segundo ele, o mercado “tem o Senai como referência”.

No sexto semestre de Automação Industrial, Ellen Cristina Tentoni diz que a faculdade “superou as suas expectativas”. “Vivemos entre aulas e laboratórios, sem muita folga, o que é ótimo”, conta.

Ellen: “Vivemos entre aulas e laboratórios”. Foto: Everton Amaro/Fiesp

 

Também estudante de Automação Industrial, Bruno de Souza Ramos explica que o Senai-SP “não deixa os seus alunos desamparados”. “Temos muitos professores que são mestres e doutores, sempre dispostos a nos atender”.

Bruno: destaque para os professores da faculdade de Automação Industrial. Foto: Everton Amaro/Fiesp

 

Processo seletivo

As inscrições para tentar uma vaga em dez cursos superiores de tecnologia em 12 faculdades do Senai-SP já estão abertas e vão até 20 de maio.

Os cursos oferecidos são: Tecnologia em Produção Gráfica, Tecnologia em Mecatrônica Industrial, Tecnologia em Produção de Vestuário, Tecnologia em Automação Industrial, Tecnologia em Fabricação Mecânica, Tecnologia em Eletrônica Industrial, Tecnologia em Alimentos, Tecnologia em Mecânica de Precisão, Tecnologia em Sistemas Automotivos e Tecnologia em Manutenção Industrial.

As unidades nas quais as faculdades funcionam estão instaladas nos municípios de Campinas, Taubaté, São Caetano do Sul, Sorocaba e São Paulo (Mooca, Vila Leopoldina, Vila Mariana, Barra Funda, Santo Amaro, Ipiranga e Brás).

Os candidatos aprovados que comprovarem renda familiar per capita de até três salários mínimos poderão se beneficiar de um modelo inédito de financiamento estudantil. Para usufruir do benefício, os estudantes apenas se comprometem, sem a assinatura de nenhum instrumento jurídico, a pagar, após seis meses de formados, o equivalente à mensalidade em vigor, no mês que iniciará o ressarcimento.

Além do financiamento, os alunos poderão solicitar bolsas de estudo por índice econômico familiar, monitoria ou iniciação científica, e para empregado em empresa contribuinte do Senai-SP, que permitem descontos de até 48% nas mensalidades. As inscrições podem ser feitas via internet, no endereço http://faculdades.sp.senai.br/, ou na faculdade onde será oferecido o curso pretendido.

Serviço

Cursos superiores de tecnologia do SENAI-SP 

Inscrições:

  • Período – Até 20 de maio.
  • Local – na unidade que oferece o curso pretendido ou pela Internet.
  • Taxa – R$ 57,00. O pagamento deve ser efetuado na rede bancária.
  • De 28 de maio até 14 de junho, o candidato que completou seu processo de inscrição deverá acessar a página eletrônica http://www.sp.senai.br/faculdades, clicar em “Acompanhamento do Processo Seletivo”, preencher os campos: CPF, senha e tipo de Curso (Cursos Superiores de Tecnologia – 2º sem.15) e imprimir sua Guia de Inscrição, que conterá, entre outras informações, a data, o horário e o local de realização da prova.

 

Prova:

  • Data e horário: 14 de junho (domingo), das 13 às 18 horas.
  • A prova é composta por uma redação e 70 questões de múltipla escolha, em nível de conclusão do ensino médio, das disciplinas de Língua Portuguesa e Literatura, Inglês, Matemática, Física, Química, Biologia, História e Geografia.

 

Resultados:

  • O gabarito da prova estará disponível no site do SENAI-SP (www.sp.senai.br/faculdades) a partir das 14 horas do dia 15 de junho.
  • A lista de aprovados será divulgada no dia 1º de julho, a partir das 9 horas, nas respectivas unidades e no site da instituição.

 

Matrícula:

  • Data: de 1º a 3 de julho de 2015, candidatos classificados; de 6 e 7 de julho, suplentes em primeira chamada; 8 de julho, suplentes em segunda chamada. O candidato deverá contatar a secretaria da faculdade onde será oferecido o curso para saber os horários para a matrícula e chamada de suplentes.

 

Informações:

(11) 3528-2000