Empresas se unem para discutir os 20 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente

Agência Indusnet Fiesp

Neste ano, a comemoração dos 20 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) mobilizou, de forma inédita, 12 instituições empresariais. O evento “Juntos pelo ECA”, que acontece dia 21, no Teatro do Sesi – São Paulo marca esta união e tem por objetivo debater – junto a especialistas, organismos multilaterais, poder público e sociedade civil – as conquistas, os desafios e as oportunidades relacionadas ao tema para os próximos anos.

A ação reúne o Instituto Votorantim, Instituto HSBC Solidariedade e Insituto Unibanco, a Fundação Itaú Social, Fundação Telefônica, FundaçãoVale e Fundação ArcelorMittal, o Sesi/SP e o Sesi/CN, a Gerdau e os bancos Santander e Bradesco.

São empresas e instituições que, atuam na defesa da garantia dos direitos das crianças e adolescentes, e querem tratar do tema conjuntamente. Ao final do evento, será assinada uma carta de intenções visando o trabalho colaborativo e o documento ficará aberto a novas adesões.

Os organizadores pretendem sensibilizar a audiência e fomentar a articulação entre os atores ligados aos direitos de crianças e adolescentes, fortalecendo a rede de proteção à infância e adolescência, com uma visão sistêmica e integrada.

Para o grupo, as empresas possuem papel fundamental neste processo. Atuando não apenas como financiadoras de ações, mas como mobilizadoras em torno da causa, a proposta envolve uma sinergia de ações.

Balanço e perspectivas

O evento, que acontecerá entre 8h30 e 18h, terá o consultor Edson Sêda, que participou da comissão redatora do ECA, na conferência de abertura. Na sequência, estão programados três debates:

  • Balanço dos 20 Anos;
  • (Re) Articulando a Rede de Proteção;
  • Perspectivas para os 20 anos.

Dentro dessas temáticas, serão debatidos aspectos ligados às conquistas e avanços do ECA, os novos desafios e oportunidades que a lei vislumbra: a integração das políticas públicas de proteção de crianças e adolescentes, além do papel e a responsabilidade das empresas, da mídia, da sociedade civil e organismos multilaterais.

O evento é aberto à participação pública e as inscrições podem ser feitas pela Internet, no endereço www.juntospeloeca.com.br. As vagas são limitadas.