Em reunião inaugural de comitê, Skaf pede união à indústria gráfica

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539996475

Na foto, Fabio Mortara, coordenador do Copagrem/Fiesp; Paulo Skaf, presidente da Fiesp; e Elisabeth Carvalhães, presidente executiva da Associação Brasileira de Celulose e Papel. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Guilherme Abati, Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, participou da reunião inaugural do Comitê da Cadeia Produtiva de Papel, Gráfica e Embalagem (Copagrem). O evento aconteceu a tarde desta terça-feira (09/04) na sede da instituição, em São Paulo.

Durante o encontro, com presença de representantes de 20 associações e de 13 sindicatos do setor produtivo da indústria gráfica em âmbito nacional, Skaf pediu união ao setor.

“Cada empresa tem sua particularidade. Mas nada é possível sem a total união, sem trabalho e bom senso. A união realmente dá a força. E dará maior força ao setor”, disse.

“Agradeço a disposição dos membros do comitê presentes na reunião inaugural. Este comitê representa um setor muito importante para São Paulo e para o Brasil, devido ao PIB [Produto Interno Bruto] que gera e aos empregos que proporciona”, afirmou o presidente da instituição.

Skaf encerrou sua participação reiterando seu compromisso com o setor.  “Fico extremamente satisfeito em ver muitos membros do setor aqui, juntos, discutindo os problemas em comum. A Fiesp é um grande porta-aviões. Os setores são como caças. Na Fiesp, os setores tornam-se ainda mais poderosos. Contem com o apoio político da Fiesp. A partir de hoje, efetivamente, o trabalho do comitê se inicia”, encerrou.