Time masculino do Sesi-SP perde a invencibilidade no Campeonato Paulista de vôlei

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp 

A equipe masculina de vôlei do Sesi-SP viajou neste sábado (27) para cidade de Atibaia, onde foi derrotado pelo Climed/Atibaia por 3 sets a 1. Parciais: 28 a 30, 25 a 23, 32 a 30 e 25 a 22, pela 3ª rodada do Campeonato Paulista de Vôlei Masculino. Com o resultado, a equipe do técnico Giovane Gávio caiu para 3ª colocação, com quatro pontos. O líder do torneio é o Vôlei Futuro, que segue invicto na competição.

Nesta sexta-feira (2), o Sesi-SP entra em quadra contra o BMG/São Bernardo, às 19h, no Ginásio do Sesi Vila Leopoldina, São Paulo. Os jogadores contarão com o apoio da sua torcida para garantir sua reabilitação no campeonato.

Serviço
Campeonato Paulista de Vôlei Masculino – 3ª rodada
Sesi-SP 1 X 3 Climed/Atibaia
Parciais: 28 a 30, 25 a 23, 32 a 30 e 25 a 22
Local: ginásio José Pires Alvim (Elefantão)

Leia mais:

Veja outras notícias do Sesi Esporte

Sesi-SP vence mais uma e disputa final da Copa São Paulo

Rodrigo Marinheiro, Agência Indusnet Fiesp 

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544441977

Camisa 07 do time da indústria, o ponteiro Diogo fura bloqueio da equipe do Climed/Atibaia



Sesi-SP entrou em quadra nesta sexta-feira (12) em jogo válido pela segunda fase da Copa São Paulo, competição que antecede o Campeonato Paulista, o maior torneio regional de vôlei do País. O time da indústria, comandado pelo técnico Giovane Gávio, derrotou o Climed/Atibaia por 3 sets a 0. Parciais: 25 a 22, 25 a18 e 25 a 17, em 01h11 de jogo.

Com o resultado, a equipe da indústria, invicta na competição, conquistou a classificação para grande final da Copa São Paulo. O destaque da partida foi novamente o ponta Diogo, camisa 07 do time da indústria, com 13 pontos.

Para o técnico Giovane Gávio, o Sesi-SP evoluiu seu jogo de ontem para hoje e a expectativa é de um grande jogo para a final, independentemente de quem seja o adversário.

“Nós melhoramos algumas coisas de ontem para hoje e precisamos manter esta crescente para a final. Tivemos a infelicidade de perder o Leozão e teremos de esperar os exames médicos para saber se ele terá condições de jogo amanhã. Mas felizmente o Juninho entrou bem na partida. Amanhã nós não poderemos errar e, mesmo com o cansaço físico por estarmos disputando a segunda competição em apenas dez dias, entraremos concentrados para vencermos mais este título”, disse o treinador.

Diogo, destaque da Copa São Paulo até agora, disse que vive um momento ótimo, mas que ainda pode melhorar. “Sempre desejei jogar no Sesi-SP e estou muito feliz porque fui muito bem acolhido por todos. Este projeto é maravilhoso. Não falta nada para os atletas e o resultado naturalmente acaba saindo. Estamos jogando bem, mas ainda falta muito. A cada jogo demonstraremos uma evolução muito maior”, afirmou o ponteiro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544441977

Jogadores do Sesi-SP comemoram a conquista de uma vaga para disputa da grande final da Copa São Paulo

Ao sair de quadra o líbero Luciano, camisa 15, exaltou a qualidade do grupo. “Sempre é uma responsabilidade muito grande substituir o Serginho, ídolo nacional que é um dos melhores jogadores de vôlei do mundo. Mas o segredo da equipe é justamente esse. O Giovane e toda a comissão técnica pensam no grupo e não apenas no time. Quando um jogador sai o nível não baixa porque todos aqui temos gana por trabalho e vitória. Essas características são fundamentais em equipes vencedoras”, contou.

Os atuais campeões Sul-Americanos voltarão à quadra em busca do tricampeonato da Copa São Paulo neste sábado (13), às 15h30min, o Vôlei Futuro, com transmissão ao vivo do canal SporTV.

O jogo

A equipe do Climed/Atibaia saiu na frente no primeiro set, mas quem chegou ao primeiro tempo técnico do jogo com o placar 8/6 foi o time do Sesi-SP. O atual campeão Sul-Americano continuou bem e chegou ao segundo tempo técnico com o placar 16/13, em ataque de Léo Mineiro. A equipe de Atibaia chegou a encostar ao anotar 20/19. Depois de pedido técnico do comandante do time da indústria, Giovane Gávio, aumentou o ritmo e fechou a primeira parcial em 25×22, com 25 minutos.

O placar da segunda parcial foi aberto novamente pela equipe do Climed/Atibaia, que fez 0x2. Mesmo com a baixa do oposto Leozão, que sentiu o joelho e foi substituído por Aureliano. O time manteve o ritmo e fechou o segundo tempo técnico em 16/10. O time da indústria abriu 24/14 no placar, mas o set foi fechado em 25×18, aos 24 minutos.

A terceira e última parcial foi novamente aberta pelo Climed/Atibaia. Com dois saques seguidos do levantador Sandro o time da indústria assumiu pela primeira vez a frente do placar durante a parcial 11/9. A partir daí o time da indústria fez prevalecer a sua superioridade e fechou a segunda parcial em 16/10. O Sesi-SP fechou o terceiro e último set em 25/17 com 22 minutos.

Equipes

Sesi-SP – Everton, Leozão, Léo Mineiro, Sandro, Diogo e Aureliano. Líbero: Luciano.
Entraram – Juninho e Japa.
Técnico – Giovane Gávio.

Climed/Atibaia – Sullivan, Rafael, Allan, Fabinho, Pedro e Gilklem. Líbero: Mendel.
Entraram – Victor, Danilo e Jair.
Técnico – Marcelo Paulinetti.

Leia mais:

Acompanhe outras notícias no site do Sesi Esporte