Iniciativas Sustentáveis: Cisper – Investimentos em logística reversa beneficiam o meio ambiente e custos de produção

Imagem relacionada a matéria - Id: 1545177996

Por Karen Pegorari Silveira

Dados da Associação Compromisso Empresarial para Reciclagem (CEMPRE) revelam que, em 2010, cerca de 47% das embalagens de vidro foram recicladas no Brasil. O índice equivale a quase 470 mil toneladas do material. Em países da Europa Central, como Alemanha e Suíça, as taxas de reciclagem chegam a 87% e 95%, respectivamente, o que demonstra que muito ainda pode ser feito aqui no Brasil.

O vidro é 100% reciclável. Com uma tonelada de caco é possível fabricar uma tonelada de novas embalagens de vidro sem perda, o que torna o ciclo de reciclagem do vidro infinito. Além disso, a energia utilizada para fabricar um produto com o caco é 20% menor se comparada à energia gasta no processo de fabricação de vidro com matérias virgens.

Outro fator de destaque entre as vantagens da reciclagem do vidro é a redução na emissão de CO2. A cada seis toneladas de vidro reciclado deixa-se de emitir, em média, uma tonelada de dióxido de carbono.

A Cisper, empresa do Grupo O-I (Owens-Illinois Inc.), é a maior fabricante de embalagens de vidro do mundo e trabalha com vidro reciclado proveniente da própria fábrica e de cacos comprados de clientes, cooperativas e sucateiros.

O caco de vidro, recuperado no processo da logística reversa, é 99,9% oriundo de embalagens pós consumo e é reciclado pela empresa transformando-se novamente em garrafas de vinho, refrigerantes, copos e taças, que são colocados à venda no mercado, apresentando perfeita qualidade. Entre os produtos da Cisper, 100% deles são elaborados com material reciclado.

A empresa também possui um departamento para tratar somente de sustentabilidade, que desenvolve ações e campanhas de divulgação entre os fornecedores, clientes e colaboradores.

“A O-I lidera o setor no uso de vidro reciclado. As unidades da empresa empregam em torno de 37% de vidro reciclado na produção. Algumas unidades europeias, por exemplo, chegam a usar 90% de vidro reciclado no processo. A meta é aumentar a utilização de vidro reciclado pós-consumo em todas as nossas unidades para obter uma média global de 60%”, conta Anderson Baranov, diretor de relações governamentais da O-I.

Há mais de 100 anos no mercado, a O-I, por meio da marca Cisper e CIV, oferece ao mercado uma linha de objetos de mesa, composta por copos finos, taças, copos do dia a dia, tigelas, jarras, kits e potes com distribuição nacional e internacional. A receita da empresa, com sede em Perrysburg, Ohio, EUA, ultrapassou US$ 7 bilhões em 2011 e no total são mais de 24 mil funcionários em 81 fábricas distribuídas por 21 países.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1545177996 VEJA OUTRAS INICIATIVAS SUSTENTÁVEIS