Sesi-SP divulga calendário de dois circuitos: Corrida de Rua e Lazer e Aventura

Agência Indusnet Fiesp

A etapa de São Bernardo do Campo do Circuito Sesi-SP Corrida de Rua: a indústria em defesa da qualidade de vida. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

A etapa de São Bernardo do Campo do Circuito Sesi-SP Corrida de Rua, em junho de 2014. Foto: Ayrton Vignola/Arquivo Fiesp

Amantes das atividades ao ar livre já podem reservar espaço na sua agenda. O Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) já definiu o calendário deste ano das quatro etapas do Circuito Sesi-SP de Corrida de Rua e das seis do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura.

Conheça as datas e etapas:

Circuito Sesi-SP de Corrida de Rua

26/04 – Etapa Vale do Paraíba (São José dos Campos)
28/06 – Etapa Grande ABC (Santo André)
23/08 – Etapa Jundiaí (Jundiaí)
18/10 – Etapa São Paulo (São Paulo)

Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura

31/05 – Etapa Iperó (Iperó)
14/06 – Etapa São Bento do Sapucaí (São Bento do Sapucaí)
26/07 – Etapa Santa Bárbara D’Oeste (Santa Bárbara D’Oeste)
27/09 – Etapa Araçatuba (Araçatuba)
25/10 – Etapa Araras (Araras)
29/11 – Etapa Litoral Norte (praia a ser definida)

No litoral norte, Sesi-SP reúne mil participantes no Circuito de Lazer e Aventura

Agência Indusnet Fiesp

Em meio ao belo cenário da praia de Maresias, no município de São Sebastião, litoral norte do Estado, o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) reuniu na manhã de domingo (07/12) um total de mil participantes na sexta e última etapa do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539718026

Circuito teve trechos nas areias de Maresia. Foto: Sesi-SP Divulgação


Cem equipes – cada uma com cinco integrantes – competiram de uma corrida de aventura, disputa composta por modalidades de aventura como trekking, mountain bike, escalada, botes e desafios na praia, no rio e no morro de Maresias e Paúba.

Já a trilha ecológica atraiu 500 inscritos para uma caminhada recreativa, partindo da praia de Maresias até o mirante do morro que divide as praias de Paúba e Maresias. Os participantes andaram na areia e no morro.

Dos mil participantes, 95% eram beneficiários da indústria – de 24 empresas – e outros 5% eram funcionários do Sesi-SP e do Sistema Indústria.

Foram premiadas as três empresas que mais inscreveram funcionários na etapa: a Ericsson com 134 inscrições; a Eaton, com 113 inscrições; e a Avibras com 84 inscrições.

Na disputa da corrida de Aventura, as três equips mais bem colocadas foram a Sanko Espumas1, da empresa Sanko (primeiro lugar); a equipe Correios 1, da empresa Correios (segundo lugar); e a equipe Eaton 1, da empresa Eaton.

O evento contou ainda com diversas atrações: parede de escalada, bung trampolim, giroflex, estação de massoterapia, espaços dedicados a descanso, hidratação, saúde, oficinas de stand up e de caiaque, aula do programa Alimente-se Bem e apresentações de música ao vivo.

Em 2015, o Sesi-SP novamente vai promover seis etapas do evento.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539718026

Cerimônia de premiação. Evento contou com representantes de 24 empresas. Foto: Sesi-SP Divulgação


Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura reúne 1 mil participantes em Santa Bárbara D’Oeste

Isabela Barros, Agência Indusnet Fiesp, de Santa Bárbara D’Oeste

O locutor fez o convite e logo foi atendido: “vamos para o mato!”. Era exatamente esse o objetivo dos mil participantes do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura em Santa Bárbara D’Oeste, a 145 quilômetros da capital, na manhã deste domingo (20/07). A postos para participar do trekking ou da trilha ecológica promovidos pelo Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), todos esbanjaram disposição para encarar o frio e gastar a sola do tênis na área verde do bairro residencial Dona Margarida.

Ao todo, foram 122 equipes de trekking, com seis participantes cada. Os demais inscritos fizeram a trilha ecológica ou aproveitaram as demais atrações oferecidas pelo evento, como tiroleza, espaço para massagem, cama elástica e área de arco e flecha. Isso além dos pufes colocados no gramado para quem quisesse simplesmente relaxar.

O Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura em Santa Bárbara: trekking, caminhada e atividades esportivas. Foto: Isabela Barros/Fiesp

O Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura em Santa Bárbara: trekking, caminhada e atividades esportivas. Foto: Isabela Barros/Fiesp


Depois de participar da edição do evento em Araras, no ano passado, o engenheiro Thiago Etto, de 26 anos, trouxe os amigos Victor Larh, de 26 anos, Francisco Monteiro, de 29 e Maria Carolina Barreto, de 27, para participar do trekking. “O evento é muito bem organizado, vale a pena participar”, disse Etto. “A competição em si é outro ponto forte”, completa Victor. “A gente gosta de se desafiar”, afirma Francisco.

Professora do Centro de Lazer e Esportes de Limeira, Maria Carolina contou que cem alunos daquela cidade vieram participar do Circuito em Santa Bárbara. “Eles adoram, esse é um evento que integra as cidades da região”.

A partir da esquerda: Monteiro, Larh, Etto e Maria Carolina: gosto pelo desafio. Foto: Isabela Barros/Fiesp

A partir da esquerda: Monteiro, Larh, Etto e Maria Carolina: desafio. Foto: Isabela Barros/Fiesp

Foco em qualidade de vida

A analista contábil Dayane Silva, de 23 anos, de Campinas, era outra que estava animada para começar a fazer trekking. Segundo ela, parte do estímulo para participar da iniciativa veio das palestras sobre qualidade de vida realizadas pelo Sesi-SP na empresa em que trabalha. “É um trabalho muito bem feito nas indústrias”, afirmou.

Também estimulada a viver de modo mais saudável, a dona de casa Nilza Soares Ribeiro, de 49 anos, fez a trilha ecológica com a neta Marcelle, de dez anos. “Achei tudo bom, foi a minha primeira vez numa atividade assim”, disse. “Gostei de tudo: da caminhada e das brincadeiras oferecidas”, completou Marcelle.

Nilza e a neta Marcelle: domingo em família. Foto: Isabela Barros/Fiesp

Nilza e a neta Marcelle: domingo em família. Foto: Isabela Barros/Fiesp

No mesmo clima familiar, a estudante Dayane de Carvalho, de 25 anos, passou a manhã relaxando num dos pufes colocados no gramado com as filhas Lídia, de quatro anos, e Brenda, de um. O trio esperava o namorado de Dayane, Daniel, inscrito no trekking. “Recomendo o Circuito Sesi-SP para todas as famílias”, disse.

Ação da indústria

Diretor do Centro de Atividades do Sesi-SP em Santa Bárbara, André Luís Vigneron confirma os esforços da indústria paulista em promover dias como foi este domingo (20/07) entre os seus trabalhadores. “O Sesi-SP tem como missão estimular a busca por uma maior qualidade de vida entre os seus funcionários”, disse.

De acordo com Vigneron, essa é uma tarefa que tem sido cumprida com sucesso. “Felizmente, tem dado certo: as inscrições para o Circuito em Santa Bárbara se esgotaram há 15 dias”, comemorou.

Próximos eventos

Para quem ficou animado, a próxima edição do evento do Sesi-SP será realizada em Araçatuba, no dia 28 de setembro, com corrida de aventura e trilha ecológica. Depois, em Araras, no dia 09 de novembro (trekking e trilha). Para fechar o ano, a vista do mar vai premiar os esforços dos participantes em Maresias, no Litoral Norte, com corrida de aventura e trilha no dia 07 de dezembro.

Para saber mais sobre o Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura, só clicar aqui. 

Mil trabalhadores da indústria fazem caminhada e trekking em Paranapiacaba

Isabela Barros, Agência Indusnet Fiesp, de Paranapiacaba

Preguiça de acordar cedo para fazer uma caminhada perto da natureza? Não foi o caso dos participantes do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura, promovido pelo Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP). Em torno de mil pessoas participaram, na manhã deste domingo (01/06), da etapa Paranapiacaba do projeto, realizada na Vila de mesmo nome, pertencente a Santo André, na Grande São Paulo. A iniciativa teve trekking e trilha ecológica, atraindo famílias e grupos de amigos de todas as idades e perfis.

Ao lado do marido, Claudio Casale, de 41 anos, e das filhas Letícia e Julia, respectivamente de dez e seis anos, a secretária Valquíria Barros, de 42, contou que essa era a segunda vez que os quatro participavam do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura fazendo a trilha ecológica. “As meninas adoram, vale o esforço”.

Valquíria, Claudio, Julia e Letícia: diversão em família que valeu o esforço de acordar cedinho no domingo.  Foto: Isabela Barros/Fiesp

Valquíria, Claudio, Julia e Letícia: diversão em família que valeu o esforço de acordar cedinho. Foto: Isabela Barros/Fiesp


O analista financeiro Michel Cruz da Silva, de 26 anos, era outro entusiasta da trilha. Tanto que convenceu a família da namorada, Maria Rodrigues Lima, de 24, a participar também. Assim, acompanharam o casal a sogra, Maria Elionete, de 42 anos, o sogro, Juan Pereira Lima, e a cunhada Carolina Rodrigues, de 17. “Passamos o dia num ambiente diferente e o evento é muito bem organizado”, contou Silva, diante do olhar desconfiado do sogro, o único a esboçar, brincando, algum sinal de frio e cansaço. “Mas ele é minoria”, garantiu Maria Elionete.

Prova de que disposição não tem idade, a técnica em nutrição Rose Catarino, de 48 anos, levou as amigas Marisa Sandoval Marques, de 52 anos, e Dionice Giroldo, de 54, e mais cinco pessoas para caminhar vendo a mata de Paranapiacaba. “Participei do Circuito aqui em 2013, também com amigos, e gostei tanto que voltei”, disse.

Também em boa companhia, o técnico de qualidade Dante Brandão, de 38 anos, fez o trekking com os amigos Wilson Binder, de 26, e a amiga Juliana Tagani, de 25. “O Circuito é show de bola”, afirmou Brandão.

A edição do evento em Paranapiacaba:  esporte e lazer para diferentes perfis de participantes. Foto: Isabela Barros/Fiesp

A edição do evento em Paranapiacaba: esporte e lazer para diferentes perfis de participantes. Foto: Isabela Barros/Fiesp


Clima de festa

Mais do que uma competição, de acordo com o diretor de Esporte e Qualidade e Vida do Sesi-SP, Alexandre Pflug, o Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura é “uma festa”. “Valem não só as provas físicas, mas o trabalho em equipe, a participação”, explicou.

E por falar em participação, as ações de qualidade de vida oferecidas pela indústria paulista aos seus trabalhadores só têm crescido. “Em 2013, foram realizadas quatro etapas do circuito”, disse Pflug. “Em 2014, serão seis”. O número de participantes também cresceu, em torno de 20%, em relação ao ano passado.

Além das atividades esportivas em si, o evento ainda ofereceu áreas de lazer, como camas elásticas e espaços de rapel, oficinas de artesanato, espaços de massagem e orientação nutricional, entre outros serviços.

Para compensar o esforço

A trilha ecológica do Circuito em Paranapiacaba, voltada para participantes de todas as idades, foi dividida em duas, de acordo com a disposição para caminhar dos participantes. Assim, uma das rotas foi a “Pontinha/Água Fria”, com percurso de três quilômetros. A outra foi a “Trilha do Mirante”,Tr com 2,5 quilômetros, dos quais um quilômetro de subida. De uma forma ou de outra, a vista do Vale de Cubatão e da Serra do Mar compensava o esforço.

O trekking, por sua vez, é um esporte de regularidade onde os participantes, em equipe, percorrem trilhas em meio à natureza, sempre seguindo uma planilha de orientação. Vence quem passa por todos os chamados pontos de controle da disputa de forma regular, segundo as coordenadas apontadas por uma planilha. No caso de Paranapiacaba, foram dez quilômetros de percurso.

Todos os participantes, das duas modalidades, ganharam medalhas, com troféus para os campeões do trekking.

Neste domingo (01/06), participaram do trekking 31 equipes, sendo a Nullus Modus, com cinco participantes, a vencedora. “É a quarta vez que eu participo do Circuito do Sesi-SP”, disse a gerente de planejamento Valéria Dias, de 42 anos, representante do grupo. O primeiro lugar animou a ela e aos seus companheiros de participarem das próximas edições do evento. “Quero ir para Santa Bárbara do Oeste”, contou.

Valéria em primeiro lugar no pódio do trekking em Paranapiacaba: em Santa Bárbara do Oeste tem mais.  Foto: Isabela Barros/Fiesp

Valéria em primeiro lugar no pódio do trekking em Paranapiacaba: em Santa Bárbara do Oeste tem mais. Foto: Isabela Barros/Fiesp


A próxima etapa do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura a que Valéria se referiu será em Santa Bárbara do Oeste, no dia 20 de julho. Para saber mais, só clicar aqui.


Em Araras, 800 pessoas participam da quinta etapa do Circuito Sesi-SP de Lazer & Aventura

Giovanna Maradei, Agência Indusnet Fiesp

Amantes da natureza aproveitaram o domingo (27/10) para participar da quinta e penúltima etapa em 2013 do Circuito Sesi-SP de Lazer & Aventura. O evento aconteceu no município de Araras, reunindo 800 participantes – 330 na competição de trekking e 470 em outras atividades, como a trilha ecológica. A próxima etapa, a última deste ano, está programada para o dia 8 de dezembro, em Ubatuba.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539718026

Participantes fazem atividades de aquecimento no Circuito Sesi-SP Lazer e Aventura. Foto: Divulgação


No total, 66 equipes de trekking competiram em Araras. Todos os participantes percorreram aproximadamente 9 km, entre aclives, declives e obstáculos naturais. O objetivo era passar por todos os pontos de controle da prova, de forma regular, conforme as diretrizes dadas previamente. A T-Runner foi a grande campeã.

O evento teve ainda atividades não competitivas. Na trilha ecológica, em um percurso de aproximadamente 5 kms, os participantes passaram por matas ciliares e de reflorestamento enquanto recebiam orientações sobre preservação ambiental. No final, todos os 470 participantes ainda ganharam uma muda de planta para levarem para casa.

Outras atividades estavam à disposição dos participantes: circuito de arvorismo, parede de escalada, tirolesa, arco e flecha, bung trampolim, espaço de bem estar com estação de massoterapia, questionário do pentáculo do bem estar e cálculo de IMC, espaço zen, espaço para hidratação e show com música ao vivo.

O objetivo do Circuito Sesi-SP de Lazer & Aventura é promover um contato direto com a natureza e, consequentemente, a preservação do meio ambiente.

Para acompanhar o desempenho das equipes e também acessar mais informações sobre o Circuito de Lazer & Aventuras, acesse o link: http://www.sesisp.org.br/esporte/lazer-aventura.html

Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura reúne mil pessoas em Santa Bárbara d’Oeste

Ariett Gouveia, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539718026

Paulo Skaf participa do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura. Foto: Fiesp/Everton Amaro

A terceira etapa do Circuito Sesi-SP de Lazer e Aventura foi realizada neste domingo (14/07), na cidade de Santa Bárbara d’Oeste. O evento esportivo teve a participação de cerca de mil pessoas. Entre elas, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), Paulo Skaf.

Skaf participou da prova de trekking por equipe, uma das duas opções do Circuito – a outra era uma caminhada de 4 km pela trilha ecológica.

“A prova foi uma delícia! Seria mais emocionante com uma chuva forte, mas o tempo foi sob medida. A trilha passava por córregos, por rios, por mata, por pontos altos e baixos. Foi muito legal”, comentou Skaf logo após a prova pela qual grupos de seis pessoas cumpriram percurso de quase 12 km, passando por obstáculos e atravessando rios, túneis e trechos de mata.

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP afirmou que pretende participar de outras provas de corrida. “É uma atividade saudável, com ar puro, unindo as equipes, em um clima de disputa muito saudável. Isso também é educação e saúde, além do esporte. Fico muito feliz com esses eventos esportivos do Sesi-SP.”

A equipe de Skaf foi formada pelo diretor de esportes e lazer do Sesi-SP, Alexandre Pflug, e por funcionários do Sesi-SP.

Além da trilha e do trekking, quem esteve no Parque dos Flamboyants também aproveitou as estações de aventura montadas pelo Sesi-SP com tirolesa, arco e flecha, arvorismo, parede de escalada e outras atividades. Os atletas também contavam com massagistas, disponíveis antes e depois da atividade física.

Todos os atletas inscritos nas duas provas receberam medalhas de participação. As três equipes mais bem colocadas do trekking, nos dois trajetos, ganharam um troféu. Integrante da equipe campeã Ferro Enamel, indústria química localizada em Americana, Douglas Simões de Oliveira Junior, de 35 anos, comemorou a vitória e atribuiu o resultado ao treinamento em equipe.

“Nosso objetivo era ficar entre os seis primeiros, mas foi uma boa surpresa ficar em primeiro nessa prova. Treinamos juntos, fazendo caminhadas curtas, mas sem as adversidades que encontramos aqui”, disse o corredor, que já havia participado de outros circuitos do Sesi-SP e pretende estar presente nas próximas. “O percurso da prova foi excelente, assim como a dificuldade dos obstáculos e a organização. O Sesi-SP se supera a cada ano”, acrescentou Oliveira Junior.

A indústria metalúrgica Romi, de Santa Bárbara d’Oeste, inscreveu no Circuito 43 equipes, três delas entre as mais bem colocadas. Juliana Gomes Cardoso, de 28 anos, foi integrante de uma dessas equipes, que ficou em 3º lugar. “A gente veio para se divertir. Não estávamos com expectativa de ganhar, mas sim de cumprir a prova juntos até o final. Todo mundo se uniu para ajudar quem tinha mais dificuldade ou em trechos mais complicados”, contou Juliana. “Encarar a prova de forma descontraída foi positivo pra gente. Ano que vem, estaremos no Circuito do Sesi-SP  de novo.”

As próximas etapas do Circuito de Lazer e Aventura serão realizadas nas cidades de Araçatuba (22/09), Araras (27/10) e Ubatuba (08/12).