Fiesp apresenta Construbusiness e desperta interesse de empresários em Nova York

Lucas Dantas, Agência Indusnet Fiesp

O vice-presidente da Fiesp, José Carlos de Oliveira Lima, fala a empresários americanos em Nova York

O vice-presidente da Fiesp, José Carlos de Oliveira Lima, fala a empresários americanos em Nova York

O vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) , José Carlos de Oliveira Lima, participou nesta terça-feira (02/05) de encontro com mais de 45 empresários  americanos do setor de construção civil, no Consulado do Brasil em Nova York. 

O evento foi promovido pelo Consulado em parceria com a Câmara de Comércio Brasil América. O embaixador Luiz Felipe de Seixas Corrêa recepcionou os convidados e abriu os trabalhos salientando o alto nível do público presente.

Em sua apresentação, Oliveira Lima expôs aos empresários o projeto Construbusiness Rumo a 2022 – Planejar, Construir, Crescer – estudo realizado pela Fiesp que propõe ações voltadas ao desenvolvimento do setor da construção brasileira.

Após  seu pronunciamento, o vice-presidente da Fiesp homenageou o embaixador Seixas Corrêa em reconhecimento ao seu apoio prestado à Cadeia Produtiva da Indústria da Construção do Brasil. Também elogiou a participação dos empresários e o otimismo destes em relação ao momento pelo qual passa o Brasil.

“Foi um encontro muito importante. O embaixador participou do início ao fim e o público fez muitas perguntas, mostrando grande interesse em investir no Brasil, graças à segurança e à confiança que estamos passando para o mundo”, declarou Oliveira Lima.

De acordo com o vice-presidente da Fiesp, os empresários avaliaram que “o Brasil tem uma grande variedade de recursos naturais e renováveis, o que permite construções sustentáveis e atrai muitos investimentos”. Neste contexto, Oliveira Lima aproveitou para convidá-los a vir ao Brasil participar de uma rodada de negócios na Fiesp, em junho próximo, por ocasião da Rio+20.

Os participantes se mostraram muito interessados em saber mais sobre os mecanismos de mediação e arbitragem implantados pela Fiesp visando dar segurança jurídica aos contratos. Oportunidade em que Oliveira Lima convidou a todos a conhecer o sistema e participar do Construbusiness 2012, que se realizará em novembro, no Brasil. O evento terá sua proposta voltada para a competitividade do setor com ênfase em cinco temas: produtividade; sustentabilidade; qualidade de produtos; qualificação de mão de obra e desoneração tributária.