Sesi-SP leva Programa Atleta do Futuro para Caconde

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp, de Caconde

Na manhã desta terça-feira (01/07), o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) firmou mais um convênio para implantar o Programa Atleta do Futuro (PAF). Desta vez, a iniciativa chegou ao município de Caconde, a 290 quilômetros da capital paulista.

Em Caconde, o programa de formação esportiva beneficiará 500 alunos com a prática de futsal, futebol e handebol. Criado para estimular a prática esportiva e a cidadania, o PAF atende aproximadamente 109 mil alunos em mais de 250 municípios paulistas.

O Sesi-SP foi representado na solenidade pelo diretor da Divisão de Esporte e Qualidade de Vida do Sesi-SP, Alexandre Pflug, que assinou o convênio com o prefeito local, Luciano Semensato. A cerimônia aconteceu na prefeitura.

Pflug destacou que o Sesi-SP promove, inicialmente, a capacitação dos professores envolvidos no projeto. “Fornecemos material didático e uniformes para todos os alunos”, disse. “O Sesi-SP pode promover ainda clínicas com a presença de atletas de renome e os alunos podem participar de competições organizadas pela instituição”.

Já o prefeito Semensato afirmou que a prefeitura tem “todo o interesse” em fazer o convênio dar certo, com outras modalidades, como judô e canoagem, sendo incorporadas numa segunda etapa. “Vamos assinar essa parceria e, podendo ampliá-la depois, ficaremos contentes”, disse. “A represa da região pode até ser usada para a prática da canoagem”.

De acordo com Pflug, o PAF é uma oportunidade única para que todas as crianças pratiquem esporte, e aprendam conceitos de cidadania. “O Sesi-SP vem transferindo sua tecnologia social na área do esporte mesmo para quem não é aluno da entidade. Isto permite que milhares de jovens tenham acesso a diferentes modalidades esportivas por meio de uma metodologia desenvolvida por especialistas.”

Além do esporte 

Além da prática esportiva, os alunos do PAF recebem orientação em temas transversais como saúde, trabalho, consumo consciente, meio ambiente e pluralidade cultural, dentre outros. Os instrutores trabalham para difundir valores como ética, superação, autoestima e socialização, com o intuito de ajudar o aluno a se desenvolver de modo pleno.

O PAF contempla crianças e jovens entre 6 e 17 anos e as atividades estão organizadas em três fases, adequadas para cada faixa etária.

Na fase que compreende crianças entre seis e oito anos, os instrutores trabalham para promover qualidade de vida, integração e socialização por meio de jogos e brincadeiras lúdicas. A partir dos oito anos, os participantes iniciam a prática esportiva, conhecendo as diversas modalidades e suas diferenças.

Então, dos 11 aos 17 anos, os alunos optam por uma modalidade e realizam treinos específicos. Nesta fase, os atletas podem representar a equipe do Sesi-SP em competições estaduais e nacionais.

Por se tratar de programa de formação esportiva com metodologia própria do Sesi-SP, as aulas esportivas são complementadas por intensa programação nos finais de semana com a participação da família. Todos os profissionais envolvidos passam por capacitações e os alunos têm acesso a todos os materiais necessários para a prática de diferentes modalidades de esporte.