Bruno Covas participa de encerramento de seminário na Fiesp

Guilherme Abati, Agência Indusnet Fiesp

O secretário do Meio-Ambiente de São Paulo, Bruno Covas, participou do encerramento do Seminário de Investigação e Biorremediação de Áreas Complexas Contaminadas, que aconteceu nesta terça-feira (16/07), na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). O evento foi realizado pela Câmara de Comércio Holanda-Brasil e teve como objetivo avaliar a situação do solo no estado.

De acordo com Covas, dobrou o numero de áreas contaminadas no estado nos últimos anos. “São mais de 2 mil hectares que ainda precisam passar por algum processo de reabilitação atualmente”.

Covas no seminário realizado na Fiesp: cuidar das áreas contaminadas é prioridade. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Covas no seminário realizado na Fiesp: cuidar das áreas contaminadas é prioridade. Foto: Everton Amaro/Fiesp

 

“Apesar disso, dobramos o número de áreas tratadas durante a nossa gestão”, disse.

Para o secretário, são vários os desafios ambientais em São Paulo: mudanças climáticas, gestão dos resíduos sólidos, licenciamento ambiental e gestão das unidades de conservação. “E uma delas é a remediação de áreas contaminadas”, afirmou.

Covas elogiou a realização do evento na Fiesp. “Encontros como esse são muito importantes. Ano passado assinamos um acordo bilateral de ajuda mútua com a Holanda. Ver esse acordo gerar frutos é muito gratificante”.

Covas encerrou sua participação durante o encerramento do encontro destacando a importância das parcerias. “A secretaria trabalha buscando parcerias com universidades e com a iniciativa privada, buscando que São Paulo tenha crescimento sustentável conciliado ao desenvolvimento econômico e à proteção ambiental”.