Sindicato Responsável: Sinbi pela infância

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Por Karen Pegorari Silveira

O Instituto Pró-Criança de Birigui é o braço social do Sindicato das Indústrias do Calçado e Vestuário de Birigui (Sinbi) e nasceu com a proposta de prevenir e erradicar o trabalho infantil ilegal e apoiar ações de inclusão social de crianças e adolescentes.

Além disso, através de parcerias com as empresas da cidade, o Instituto Pró-Criança apoia e incentiva o uso do selo “Empresa Comprometida com a Proteção e a Educação da Criança”. Trata-se de uma declaração que as empresas recebem e podem utilizar na comercialização de seus produtos e serviços, tanto nacional como internacionalmente, pela não utilização de mão de obra infantil.

Atualmente o instituto atende 80 pessoas, entre crianças e adolescentes, em situação de vulnerabilidade e risco social.  Todos recebem, gratuitamente, intervenções pautadas em experiências lúdicas, culturais, de interação, aprendizagem, sociabilidade, proteção e convivência social, participação cidadã e formação geral para o mundo do trabalho. Muitas ações são extensivas aos pais e responsáveis, visando promover a integração familiar no processo. As crianças e adolescentes matriculadas no Instituto são acolhidas de acordo com a situação socioeconômica de suas famílias.

No desenvolvimento de suas ações, o Pró-Criança de Birigui conta com o apoio das empresas da cidade, da rede de parceiros e associados e da equipe permanente de profissionais para formar as crianças e adolescentes envolvidos em seus projetos.

Tais atividades são realizadas graças a doações, recursos da iniciativa privada, contribuições dos associados, destinações de Imposto de Renda (IR) e eventos promovidos pelo próprio Instituto. Seu Conselho Diretor tem mandato de quatro anos e instituições da sociedade civil e representantes do poder público compõem o seu conselho consultivo comunitário, de onde são eleitos os membros do conselho fiscal.

Sobre os projetos

O “Projeto Fora da Caixa” é realizado pelo instituto junto a colaboradores das empresas/comércio por meio de rodas de conversa com temas transversais da Revista do Instituto Pró-Criança. Tem como finalidade oferecer ao colaborador espaço para a discussão de temas do cotidiano e fortalecer o vínculo entre os colaboradores e Recursos Humanos (RH) das empresas/comércio.

O “Pipocando Saber” é direcionado a crianças de 6 a 11 anos de idade, no contra turno escolar, e tem o objetivo de estimular o desenvolvimento de potencialidades, habilidades, talentos e propiciar formação cidadã. O projeto é realizado diariamente para 40 crianças.

O Projeto Rede Tecnológica para Inteligência Social foi implantado pelo Pró-Criança em 8 Instituições de Birigui, com a finalidade de criar uma base de dados única e consistente de informações sociais, para diagnóstico e tomada de decisões.

O Projeto Casa do Telefone é uma exposição permanente e aberta ao público na casa que abrigou a primeira central telefônica da cidade e que também é a sede da instituição. Possui acervo ligado à telefonia e comunicação, com o objetivo de contar a história parcial da cidade, organizar a memória da comunicação de Birigui, expor o acervo existente e ampliar as ofertas de ensino/aprendizagem relacionadas com as possibilidades da exposição, que é aberta às escolas e comunidade em geral.

Conheça todas as ações do Sinbi no site http://sindicato.org.br/


“Temos professores que oferecem o melhor”, diz Skaf ao inaugurar escola do Sesi-SP em Araçatuba

Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, visitou Araçatuba e Birigui nesta sexta-feira (4 de maio) para inaugurar novas escolas do Sesi-SP nos dois municípios e assinar convênios de esporte e educação.

Com investimento de R$ 14,5 milhões, a escola de Araçatuba ganhou novo prédio composto por 20 salas de aula, laboratório de informática, biblioteca com acervo atualizado e sala para professores, além do novo refeitório e pátio coberto. Os novos ambientes proporcionam mais conforto para os 1.346 estudantes atendidos atualmente pelo Sesi de Araçatuba. Skaf destacou que o que o Sesi-SP faz “não é só escola bonita. Temos professores que oferecem o melhor”.

Skaf também participou de homenagem ao ex-atleta e treinador desportivo José dos Santos Primo, que se tornou patrono do ginásio esportivo. Na década de 1950, Primo foi atleta das corridas de 1.500 metros e 3.000 com obstáculos, tendo conquistado diversos títulos de campeão estadual, brasileiro e sul-americano, além de participado em outras competições internacionais. Depois, o ex-atleta passou a se dedicar ao treinamento de novos talentos – e não somente no atletismo. Foi técnico de futebol, basquete, natação e preparador físico de diversos clubes. Por onde passou, Primo revelou centenas de novos talentos nessas modalidades esportivas. Natural de Juazeiro-BA, esse amante do esporte recebeu o título de cidadão araçatubense em 1993, pelos relevantes serviços prestados ao município.

Lembrando a tradição de Araçatuba em atletismo, Skaf anunciou que o Sesi-SP vai construir na cidade uma pista de atlestismo de piso sintético.

Ainda no Sesi Araçatuba, Skaf assinou convênio do Programa Atleta do Futuro com os municípios de Andradina (para atender 160 alunos em handebol, basquetebol, futsal, futebol e voleibol), Murutinga do Sul (100 estudantes, em futsal e natação), Itapura (160, em futebol,, futsal e handebol), Suzanápolis (80, em futebol e futsal) e Sud Mennucci (200, em futebol, futsal e natação).

Em todo o Estado de São Paulo são mais de 100 mil alunos beneficiados pelo programa, que envolve 187 prefeituras conveniadas. Desde 2008, o Atleta do Futuro tem estimulado a prática esportiva e a cidadania de crianças e adolescentes.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Em Araçatuba Paulo Skaf inaugurou escola do Sesi-SP e participou de homenagem a José dos Santos Primo. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Birigui

Skaf também inaugurou a nova escola vertical do Sesi-SP de Birigui. Mais que um projeto arquitetônico arrojado e moderno, a nova escola Sesi de Birigui oferece educação de qualidade a 809 alunos nos ensinos Fundamental e Médio.

O novo espaço, que recebeu aporte de R$ 35,6 milhões, tem 18 salas de aula, laboratório de física, química e biologia, dois laboratórios de informática, biblioteca escolar com acervo atualizado, sala de música, sala de artes cênicas, quadra poliesportiva coberta e ginásio. A escola também ganha um espaço dedicado inovação tecnológica: o FabLab Sesi-SP.

O FabLab é uma plataforma de prototipagem rápida de objetos físicos e está inserida em uma rede mundial de quase oito centenas de laboratórios. Tem como base o conceito da participação colaborativa do aluno e da comunidade local, que trocam informações para a execução de um projeto e contam com o apoio de uma rede internacional.

O FabLab Sesi-SP tem equipamentos modernos para que o aluno seja estimulado a aprender fazendo. São compostos por Impressora 3D, Cortadora a Laser, Fresadora, Cortadora de Vinil, Prensa Térmica e Bancada Eletrônica.

Durante a solenidade de inauguração também foi assinado convênio do Programa Atleta do Futuro com os municípios de Penápolis (677 alunos, em natação, badminton e capoeira), Brejo Alegre (188 alunos) e Lourdes (160).

E também foram firmados convênios do Sistema Sesi-SP de Ensino com os municípios de Penápolis e Luiziânia. No primeiro são 25 escolas municipais conveniadas e 3.843 alunos beneficiados. E em Luiziânia o convênio atende 289 alunos de duas escolas municipais.

Campeões da robótica

Compareceram à solenidade de inauguração da nova escola os alunos que participaram do principal torneio de robótica do mundo – World Festival, que foi disputado de 19 a 21 de abril em Houston, EUA. Os integrantes da equipe Sesi Big Bang conquistaram o primeiro lugar nas categorias Apresentação de Pesquisa e Desafio do robô. Os campeões gerais do torneio foram os alunos do Sesi Americana, que superaram 108 equipes de todo o mundo.

Além do torneio do EUA, disputado por alunos do Ensino Fundamental, o Sesi de Birigui também participará, com alunos do Ensino Médio, do Torneio Internacional Robocup, de 18 a 22 de junho, no Canadá.

Na metodologia utilizada no Sesi-SP, as crianças são estimuladas a desenvolver competências e habilidades para a aplicação da ciência, desmistificando o uso da tecnologia na vida moderna. Os trabalhos na área de robótica são desenvolvidos em sala de aula e supervisionados por analistas de suporte em informática.

Escolas do Sesi-SP são fábricas de bons brasileiros, diz Skaf em Penápolis

Agência Indusnet Fiesp

Na inauguração da Escola Sesi de Penápolis, neste sábado (19 de agosto), o presidente da Fiesp, do Senai-SP e do Sesi-SP, Paulo Skaf, destacou a importância do projeto de educação completa. “As escolas do Sesi-SP são fábricas de bons brasileiros.” O investimento na nova unidade foi de R$ 19,4 milhões.

Skaf também assinou convênio de desenvolvimento esportivo do Programa Sesi-SP Atleta do Futuro, que tem como parceiros a Prefeitura Municipal de Penápolis e a Retesp Indústria de Vedantes. Serão beneficiadas 1.140 crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, que poderão praticar badminton, capoeira, natação e voleibol. Ainda na tarde de sábado, o presidente da Fiesp, Sesi-SP e Senai-SP  assinou convênio do Programa Sesi-SP Atleta do Futuro com a prefeitura de Birigui e com a Sameka Modas, parceiros no programa, que beneficiará 65 alunos na modalidade de ginástica artística.

A Escola Sesi de Penápolis tem 12 salas de aula, um laboratório de informática, um de física, um de química e biologia e um de ciências e tecnologia. Também há biblioteca escolar com acervo atualizado e duas áreas de convivência. Completando a estrutura, há refeitório com cozinha e despensa, quadra poliesportiva coberta e vestiários.

Esses modernos ambientes pedagógicos foram projetados para oferecer educação de qualidade a todos os alunos. A escola oferece Ensino Fundamental em tempo integral do 1° ao 5º ano, o que permite que os alunos permaneçam nos períodos da manhã e tarde na escola realizando vivências de esporte, arte, cultura e tecnologia, e recebem refeições diárias compostas de café da manhã, almoço e lanche da tarde. Dos 371 estudantes atendidos, 289 estão no Ensino Fundamental e 82 no Ensino Médio.

O prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira (PSDB), destacou que a nova escola do Sesi-SP é a maior unidade escolar do município. Oliveira estudou no Sesi-SP, e agora seu filho frequenta a escola. Todo mundo quer estudar no Sesi-SP, disse o prefeito. “É um momento histórico para Penápolis” a entrega de um projeto do porte a nova escola do Sesi-SP.

Também lembrou que Penápolis usa o Sistema Sesi-SP de Ensino nas escolas municipais. “Brigamos pelo Sistema Sesi nas nossas escolas. O Sesi tem uma história com a gente, temos uma história com o Sesi. Para nós é um prazer ter uma parceria com uma instituição assim.”

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Paulo Skaf na inauguração de escola do Sesi-SP em Penápolis. Foto: Everton Amaro/Fiesp


Birigui

O projeto Praças do Amanhã levou a Birigui neste sábado (19 de agosto) diversas atividades de lazer, esporte e cultura, além de todo o romantismo do cantor Daniel em show gratuito. O projeto itinerante, que percorre todo o Estado de São Paulo desde maio deste ano, é uma oportunidade para que a população conheça de perto os programas do Sesi-SP e Senai-SP nas áreas de educação, lazer, cultura, esporte e ensino profissionalizante.

Um exemplo de atividades interativas oferecidas está na Escola Móvel Senai de Nanotecnologia, com jogos, microscópios eletrônicos e equipamentos de alta tecnologia. A ideia é mostrar na prática exemplos de como a indústria utiliza a nanociência para fabricar novos produtos e serviços.

Dicas de como manter uma dieta saudável e equilibrada ficaram a cargo da equipe da unidade móvel Sesi de Alimentação. E a equipe do Senai-SP esclareceu dúvidas sobre carreiras e mercado de trabalho.

E para fechar o dia com chave de ouro, o cantor Daniel subiu ao palco do Praças do Amanhã.

Comcouro discute ações para melhorar perspectivas do setor

Agência Indusnet Fiesp

O Comitê da Cadeia Produtiva do Couro, Calçados e Componentes da Fiesp (Comcouro), discutiu na tarde dessa segunda-feira (11/4) o apoio ao Projeto Comprador, elaborado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O tema foi destaque na primeira reunião do ano do Comcouro. “Estávamos esperando o cenário geral melhorar, mas se fossemos esperar mais não nos reuniríamos”, brincou o presidente do comitê, Samir Nakad, referindo-se ao período conturbado pelo qual o país está passando. Ele afirmou querer iniciar a reunião com um projeto positivo, como o do Sebrae, pois, “se só falarmos de coisas ruins, não conseguimos chegar com ânimo ao final da reunião”.

O Projeto Comprador é uma ferramenta de acesso a mercado que consiste na aproximação de compradores do segmento de calçados e componentes de empresários produtores, especialmente micro e pequenos, para realização de negócios com lojistas de várias regiões do país. Na versão apresentada ao comitê, as ações englobariam as cidades de Birigui, Franca, Jaú e Grande ABC. De acordo com o Sebrae, na última ação do projeto, realizada em 2015, participaram 148 lojistas e a média de vendas foi de mais de R$ 75 mil por participante.

Na sequência, representantes de diversos sindicatos deram sugestões de ações que o comitê poderia realizar em favor do setor coureiro, calçadista e artefatos, tais como fomentação de vendas e programas contra a informalidade e falsificação no setor. Um projeto de benefícios para subsistência dos empresários que trabalham na legalidade também foi colocado em pauta pelos participantes.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Primeira reunião do Comcouro em 2016 priorizou ações positivas. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Comitê do Couro da Fiesp debate distribuição de calçados em Birigui

Agência Indusnet Fiesp,

O Comitê da Cadeia Produtiva de Couro, Calçados e Artefatos (Comcouro) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) se reuniu na semana passada com fabricantes em Birigui, interior de São Paulo, para estudar um meio de reduzir os custos no transporte e distribuição de calçados.

A região de Birigui é conhecida por sua vocação para a produção de calçados infantis. Mas enfrenta, assim como em outras regiões do país, elevados custos para escoar sua produção, segundo o coordenador do Comcouro, Samir Nakad.

Durante o encontro, o gerente do Departamento Jurídico (Dejur) da Fiesp, Alexandre Ramos, esclareceu dúvidas a respeito do Sistema Público da Escrituração Digital (SPED), especialmente do Bloco K, um dos capítulos do sistema destinado ao registro e controle de produção e estoque, que deve entrar em vigor em janeiro de 2016.

Na avaliação de Ramos, a principal dificuldade para cumprir a exigência está no fornecimento da ficha técnica do produto.

De acordo com o coordenador do Comcouro, Nakad, a implantação de tecnologia para o SPED nas empresas já provocou um aumento de 20% nos custos de controle administrativo das companhias.

Também presente na reunião, o gerente de atividade de vendas corporativas dos Correios, Marcelo Martins Naliati, informou que a empresa trabalha em um novo serviço com mudanças no envio e no frete. Segundo ele, algumas dessas mudanças devem ser apresentadas na próxima reunião do Comcouro, em Franca.

Sesi-SP inaugura quadra poliesportiva e faz homenagem à ex-atleta em Birigui

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp, de Birigui

Depois de passar a manhã desta sexta-feira (16/05) em Araçatuba, o presidente do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, seguiu para a vizinha Birigui.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Grão (sentado) no descerramento de placa com o presidente do Sesi-SP, Paulo Skaf. Foto: Everton Amaro/Fiesp


No conhecido polo calçadista, Skaf inaugurou a nova quadra poliesportiva da Escola do Sesi-SP, localizada no Centro de Atividades Ministro Dilson Funaro. O novo espaço recebeu o nome do ex-jogador de basquete Luiz Antônio Cezar, o Grão, de 78 anos, que em seu auge chegou a ser convocado para integrar a seleção paulista de basquetebol.

O agradecimento foi feito pelo filho ex-atleta, Laercio Cezar, que disse tratar-se mais do que uma homenagem porque será um espaço para aprendizado. “O que essas crianças podem aprender, tendo o esporte como base… só pode surgir coisas boas.”

Em seu discurso, o presidente da entidade passou a palavra ao diretor da Fiesp e coordenador do Comitê da Cadeia Produtiva do Couro da entidade, Samir Nakad, nascido e criado em Birigui. Nakad disse que foi inspirado por Grão quando este era ícone de uma equipe de basquete que marcou época. E desceu do palanque para dar um abraço no ex-jogador. “Todos nós somos muito gratos ao Grão.”

Walter Vicioni Gonçalves também falou sobre o novo patrono da quadra. “Meu caro Grão, o senhor passa inspirar crianças e jovens.”

PAF

Skaf com os alunos em Birigui: vontade de fazer a diferença na educação. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Skaf com os alunos em Birigui: vontade de fazer a diferença na educação. Foto: Everton Amaro/Fiesp

O evento teve ainda a assinatura do convênio para o desenvolvimento do Programa Atleta do Futuro (PAF), iniciativa em que o Sesi-SP orienta professores dos municípios para aplicar sua metodologia de formação esportiva para crianças e jovens. O convênio foi assinado pelo prefeito de Birigui, Pedro Barnabé, e pelos prefeitos dos municípios de Bilac, Buritama e Brejo Alegre. Nos quatro municípios, o programa atenderá 1.483 alunos da rede pública em diversas modalidades esportivas.

Ao discursar, o prefeito de Birigui elogiou o olhar do Sesi-SP para a educação. “Obrigado por esse investimento de mais de 40 milhões em nossa cidade”, agradeceu, referindo-se à obra no terreno ao lado do CAT, em que está sendo erguido um prédio para abrigar uma nova escola do Sesi-SP.

Paulo Skaf disse que de nada adiantaria sua vontade ou da indústria paulista se não fossem “a vontade e a determinação de guerreiros e guerreiras que fazem a educação no dia a dia”, pedindo uma salva de palmas para os educadores.

Mencionando que o PAF já chegou a aproximadamente 240 municipios e quase 100 mil anos, Skaf pediu aos alunos que aproveitem o máximo a quadra e pratiquem esporte.

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP encerrou sua passagem pela cidade com uma rápida visita à feira de animais da iniciativa #adotei, parceria do Sesi-SP com a apresentadora Luiza Mell.

O evento contou com a presença de autoridades municipais e do legislativo federal e estadual.

Birigui recebe unidade móvel de artes e cultura do Sesi-SP

Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540119994

Unidade Móvel tem três mil volumes entre filmes, animações, apresentações musicais, quadrinhos, catálogos de arte e livros. Foto: Arquivo Fiesp

Em comemoração ao aniversário da cidade de Birigui, que completa 102 anos no dia 8 de dezembro, o Serviço Social das Indústrias de São Paulo (Sesi-SP) vai enviar uma Unidade Móvel de Artes e Cultura que disponibiliza gratuitamente para todos os interessados obras de diferentes linguagens artísticas.

São cerca de três mil volumes entre filmes, animações, apresentações musicais, quadrinhos, catálogos de arte e livros que ficam disponíveis para consulta de 10 a 22 de dezembro.

Em meio aos autores selecionados encontramos diversos escritores renomados como Fernando Pessoa, Paulo Leminsky, Angeli, Henfil e Umberto Eco. Os longas-metragens também são reconhecidos sucessos, como “Pulp Fiction”, “X-Men”, “Os Intocáveis” e “Alta Fidelidade”.

A Unidade Móvel de Artes e Cultura tem o objetivo de incentivar o desenvolvimento cultural da população. A ideia é oferecer às prefeituras paulistas um equipamento que proporcione o acesso gratuito da comunidade a acervos contemporâneos de arte em cinema, música, linguagem eletrônica e literatura.

Serviço

Unidade Móvel de Artes e Cultura do Sesi-SP – Birigui
Local: av. Governador Pedro de Toledo, 262 – em frente à Associação Comercial e Industrial de Birigui
Datas e horários: de 10 a 22 de dezembro, diariamente, das 14h às 21h
Classificação indicativa: não recomendado para menores de 10 anos
Informações e agendamento para grupos: Secretaria Municipal de Cultura de Birigui – (18) 3643-6192 / e-mail: cultura@birigui.sp.gov.br
Entrada gratuita