Baviera considera Brasil promissor para novos negócios

Rosângela Bezerra, Agência Indusnet Fiesp

Katja Hessel, secretária-adjunta de Economia, Infraestrutura, Transporte e Tecnologia do estado da Baviera

O mundo está de olho no Brasil. Áreas como tecnologia, infraestrutura, meio ambiente e energias renováveis despertam o interesse em estados como a Baviera, o maior da Alemanha, conhecido pelo seu desempenho econômico.

“O Brasil é a sexta maior economia do mundo e demonstrou isto de forma muito competente. Em breve será uma das maiores potências mundiais”, disse Martin Langewellpott, representante do estado da Baviera no Brasil, durante encontro realizado nesta nesta quinta-feira (10), na Fiesp.

Langewellpott integra a delegação, formada por 43 pessoas e chefiada por Katja Hessel, secretária-adjunta de Economia, Infraestrutura, Transporte e Tecnologia do estado da Baviera, que veio ao país com o objetivo de ampliar as relações comerciais e políticas já existentes entre Brasil e Alemanha.

Parceria com a Fiesp

Durante o encontro, Katja fez uma apresentação das empresas bávaras que participaram com suas expertises da Copa da África do Sul e querem oferecer serviços para o Mundial de 2014. “Agradeço a parceria com a Fiesp e pretendo voltar em abril do próximo ano para auxiliar as empresas a entrar no mercado brasileiro”.

Thomaz Zanotto, direto-titular-adjunto do Derex, ressaltou que esta delegação tem como particularidade empresas de alta tecnologia de diferentes setores, que vão desde máquinas e equipamentos até aquelas que fornecem elementos para estádios visando a Copa do Mundo de 2014. “Temos a oportunidade de mostrar aos alemães qual é a atual situação da economia brasileira e o enorme potencial que existe no pais em diferentes setores, que vão além da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos”.