Durante inauguração de escola do Sesi-SP em Barra Bonita, Paulo Skaf anuncia ampliação do programa Atleta do Futuro

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp, de Barra Bonita

O Programa Atleta do Futuro (PAF), conduzido pelo Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) em oito municípios do estado, vai ser renovado a partir de dezembro deste ano. E deve ser ampliado para ao menos cinco novos municípios da região de Jaú, conforme anunciou o presidente do Sesi-SP e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, nesta sexta-feira (25/10), durante a inauguração de uma  nova escola da instituição em Barra Bonita.

“O PAF vence em dezembro deste ano e, além de renovar o programa com os atuais municípios, pretendemos incluir outros novos”, afirmou Skaf. Segundo ele, a iniciativa atende atualmente 3 mil alunos do Sesi-SP.

O anuncio foi feito durante inauguração da nova escola do Sesi-SP em Barra Bonita, no interior de São Paulo.  A unidade vai atender 268 alunos no ensino fundamental, 60 no ensino médio e outros 154 no programa Educação de Jovens e Adultos.

Skaf na inauguração da escola do Sesi-SP de Barra Bonita: foco na educação e no esporte. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Skaf na inauguração da escola de Barra Bonita: foco na educação e no esporte. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp


Futuros atletas

Aluna do Centro de Atividades (CAT) do Sesi-SP de Piracicaba, Jennifer Rute Silva Lopes, de 17 anos, começou a treinar heptatlo, competição do atletismo com sete provas, no PAF em 2011. Ela passou para o rol Atletas de Rendimento do Sesi em 2012.

“É uma oportunidade para crianças que querem treinar uma modalidade, mas têm medo de treinar com os mais velhos”, afirmou.

O objetivo de Jennifer é chegar aos Jogos Olímpicos de 2020 e disputar, em 2014, o Troféu Brasil de Atletismo, principal torneio da modalidade no país. “Mas o meu sonho mesmo é me tornar técnica”, completou.

O PAF oferece metodologia, equipamentos e o conhecimento inicial para práticas esportivas, enquanto as prefeituras cedem os espaços. Segundo diretor de Esportes do Sesi-SP, Alexandre Pflug, o programa depende do apoio das prefeituras para ser ampliado.

A escola de Barra Bonita

Projetada com 12 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca, laboratórios de informática educacional, ciência e tecnologia, química e biologia e de física, a nova escola do Sesi-SP em Barra Bonita deve oferecer ensino em tempo integral a partir de 2014.

Alunos do Sesi-SP em Barra Bonita: opção de ensino integral em 2014 na unidade. Foto: Tâmna Waqued/Fiesp

Alunos do Sesi-SP em Barra Bonita: opção de ensino integral em 2014 na unidade. Foto: Tâmna Waqued/Fiesp


A inauguração da nova unidade faz parte dos planos do Sesi-SP em consolidar um modelo de educação criado em 2007, que prevê ensino em tempo integral, ensino médio articulado com a educação profissionalizante do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP) e a construção de cem escolas no estado.

“Isso faz parte do grande programa da indústria de dar educação de qualidade a milhares de alunos”, afirmou Paulo Skaf. “Pegamos uma criança de seis anos e damos nove anos de educação completa para ela”, completou.

O superintendente do Sesi-SP e diretor  regional do Senai-SP, Walter Vicioni, afirmou que os alunos de Barra Bonita “terão oportunidade de adquirir sua educação e construir o seu caminho de autonomia e progresso”.

O prefeito da cidade, José Carlos de Mello Teixeira, também participou da cerimônia de inauguração da escola e agradeceu a Skaf e aos diretores do Sesi-SP e do Senai pelo “presente”. “Essa escola traz um novo estilo de educação e a maravilha da estrutura de diretores e professores que realmente se preocupam com um bom ensino para nossas crianças e jovens”, disse. “Nós jamais iremos nos esquecer desse momento da história de Barra Bonita”.

Nova escola do Sesi-SP será inaugurada em Barra Bonita nesta sexta-feira (25/10)

Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), Paulo Skaf, vai inaugurar, nesta sexta-feira (25/10), a Escola do Sesi-SP de Barra Bonita.

A nova unidade fica na Rua Evandro Cesar Paschoal, 110, no bairro Sonho Nosso V. E representa mais um passo para a consolidação do novo modelo educacional da entidade iniciado em 2007 e que prevê a oferta de ensino fundamental em tempo integral, ensino médio articulado com a educação profissionalizante do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP) e a construção de 100 escolas no estado.

A escola de Barra Bonita foi projetada com 12 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca escolar com acervo atualizado, um laboratório de informática educacional, um laboratório de ciência e tecnologia, um laboratório de química e biologia, um laboratório de física, uma sala multidisciplinar, uma sala de atendimento aos pais, cozinha com despensa e refeitório e quadra poliesportiva coberta. Tudo isso em um terreno com 20,1 mil m².

Laboratório da escola do Sesi-SP em Barra Bonita: 2 salas de aula e duas áreas de convivência. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Laboratório da escola do Sesi-SP em Barra Bonita: 21 salas de aula. Foto: Everton Amaro/Fiesp


A nova unidade passará a oferecer ensino fundamental em tempo integral, o que permitirá que os alunos permaneçam nos períodos da manhã e tarde na escola realizando vivências complementares de esporte, arte, cultura e tecnologia, além das refeições diárias compostas de café da manhã, almoço e lanche da tarde.  Dos 482 estudantes, 268 serão atendidos no ensino fundamental. A escola também oferecerá ensino médio para 60 alunos e Educação de Jovens Adultos para 154 pessoas.

Em 20 municípios

Neste ano, já foram inauguradas 20 escolas do Sesi-SP nos municípios de Presidente Epitácio, Mococa, Tambaú, Guararapes, Votuporanga, Vinhedo, Americana, Bragança Paulista, Pirassununga, Descalvado, Jacareí, Avaré, Sumaré, Porto Ferreira, Jardinópolis, Santa Cruz do Rio Pardo, Presidente Prudente, Cajamar, Lençóis Paulista, Osvaldo Cruz. Foram abertas ainda três unidades do Senai-SP, respectivamente, em Ourinhos, Pompeia e Mirassol.

O Sesi-SP desenvolve seu próprio material didático, um diferencial da metodologia da entidade que engloba processos de ensino, aprendizagem e pesquisa.