Livro com a história de 1.800 atletas olímpicos brasileiros é lançado no Sesi-SP

Amanda Viana e Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

Resultado de 15 anos de pesquisas, o livro “Atletas Olímpicos Brasileiros” (Editora Sesi-SP), de Katia Rubio, foi lançado durante o evento da assinatura do acordo de cooperação entre o Sesi-SP e o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, nesta terça-feira (25), no Sesi Vila Leopoldina. Com 1.796 notas bibliográficas e organizado por 31 modalidades do esporte, o livro traz histórias sobre a vida de atletas olímpicos brasileiros, que ganharam medalhas ou não, nos Jogos Olímpicos, desde a primeira participação do Brasil na competição, em 1920, até 2012, em Londres.

De acordo com a autora do livro, nestes anos de pesquisa e de muitos quilômetros percorridos, ela pôde conhecer não apenas a história de vida dos atletas, mas também seu lugar de origem, seus familiares e o sonho de ser olímpico. “Mais do que informações, buscamos nesses anos a alma desses homens e mulheres, sua saga pessoal, responsável pelo desenvolvimento de alguns valores olímpicos, como a excelência e a determinação”, disse Katia.

Paulo Skaf, presidente da Fiesp e do Sesi-SP, reafirmou a importância de um livro como esse para o Brasil. “Poder ter esse lançamento de um livro que registra toda uma história com quase 1.800 depoimentos, de ex-atletas e atletas, é excelente”. Para o presidente do Comitê Organizador do Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2106, Carlos Arthur Nuzman, o livro é um trabalho que deixa todos orgulhosos. “Escrever histórias de tantos atletas, deixar esse legado sobre eles e ainda transmitir isso para as pessoas é fundamental”, comentou.

A obra é um registro das memórias das ações desses atletas e que pode servir para as novas gerações se inspirarem e buscarem resultados, mantendo vivo o espírito olímpico, segundo Katia Rubio. “Resgatar a memória desses feitos, que mantém viva a história do esporte e do nosso país e retratar a trajetória dos atletas olímpicos é o nosso objetivo com esse livro”, afirmou Katia.

São 1750 horas de material gravado com narrativas que resultaram nas histórias presentes no livro. As informações que dizem respeito aos atletas já falecidos foram obtidas por depoimentos de outras pessoas, acervos de clubes e notícias da época.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540274356

Carlos Arthur Nuzman, Paulo Skaf, Katia Rubio e Walter Vicioni no lançamento do livro Atletas Olímpicos Brasileiros. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp