Evento destaca inclusão de pessoas com deficiência nesta terça-feira (30/07)

Agência Indusnet Fiesp

Nesta terça-feira (30/07), a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de São Paulo, com o apoio de entidades como a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), vai realizar uma cerimônia para marcar o avanço da inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho. O evento dos 22 anos da Lei de Cotas (a de número 8213/91) enfatiza a data e a importância da inclusão ao promover a acessibilidade, o respeito e a cidadania.

Assim, no dia 30, às 10h, na sede da Fiesp, será aberto o evento com a participação de autoridades, incluindo o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, e do presidente da Fiesp, do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Senai-SP), Paulo Skaf. Logo após a cerimônia, os convidados atravessarão a Avenida Paulista e seguirão até a Rua das Flores (em frente ao prédio da Fiesp), acompanhados pelos bonecos de Vara e Banda do “Sussego” da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de São Paulo (Apae-SP). Lá, haverá expositores de órgãos públicos, movimentos sociais, ONGs, instituições educacionais, Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi/SP) e Senai/SP.

De acordo com Paulo Skaf, o Brasil registrou avanços na área, mas ainda há barreiras físicas e comportamentais a serem superadas na construção de um Brasil igual para todos. “O Senai-SP tem trabalhado pela inclusão no segmento industrial e a Escola Senai Ítalo Bologna, em Itu, é um centro de referência em pesquisa, desenvolvimento e capacitação, transferindo sua experiência para as demais escolas do Senai/SP, que mantém parcerias com mais de 400 empresas de diversos setores industriais.”, afirma. Para saber mais sobre a unidade, só clicar aqui.

A Escola Senai Ítalo Bologna, referência em acessibilidade. Foto: Everton Amaro/Fiesp

A Escola Senai Ítalo Bologna, referência em acessibilidade no ensino industrial. Foto: Everton Amaro/Fiesp


Para o ministro do Trabalho e Emprego (MTE), Manoel Dias, “a Lei de Cotas foi o grande marco da inclusão no Brasil, pois foi ela que abriu os caminhos na busca da igualdade e da justiça para as pessoas com deficiência. Foram inúmeros os avanços ao longo desses 22 anos, mas agora é hora de unirmos governo, empregadores, trabalhadores e a sociedade para que mais conquistas sejam asseguradas”.

Ações da indústria

No evento, a Fiesp lançará uma publicação sobre “Inclusão Social e Profissional – valorização da capacidade de pessoas com deficiência no mercado de trabalho”, que reúne ações da indústria e dados sobre a elaboração de programa de inclusão. O Sesi-SP divulgará informações sobre o Centro Integrado de Reabilitação Profissional e Inclusão da Pessoa com Deficiência (Santo André), além de outras unidades que realizam o mesmo trabalho, como as unidades do Ipiranga e da Vila Leopoldina. O Projeto Cão-Guia, os Esportes Paralímpicos e o Programa de Inclusão do Aluno com Deficiência Auditiva nas escolas do Sesi-SP também serão destacados.

O Senai-SP (Itu) apresentará equipamentos adaptados e tecnologias assistivas desenvolvidas pela escola. Desde 1996, a escola se especializou na área de inclusão eficiente, fazendo a ponte entre a demanda da indústria e as necessidades específicas de trabalho dessas pessoas.

Empregos formais

Segundo o Relatório Anual de Informações Sociais (RAIS), em 2009, 96.252 pessoas ingressaram no mercado de trabalho no Estado de São Paulo. Em 2010, 100.305. Em 2011, foram 110.605, incluídos nesta conta os 42.063 empregos formais gerados na indústria e na construção civil, representando 38% do total. Na indústria e construção civil, as ocupações mais recorrentes são alimentadores de linha de produção, preparadores e operadores de máquinas, almoxarifes e armazenistas, além de montadores na linha de produção e de equipamentos eletroeletrônicos, agentes, assistentes e auxiliares administrativos.

No Brasil, em 2010, foram registradas 306.013 vagas e, em 2011, 325.291. Dessa forma, ostado de São Paulo responde por praticamente um terço dos empregos formais para pessoas com deficiência no país.

Serviço

Data: 30/7/2013, a partir das 9h30, na Fiesp. E das 11h, na Rua das Flores

Local: Av. Paulista, 1313, e Rua das Flores (em frente à Fiesp)

Mais informações: http://www.fiesp.com.br/agenda/inclusao-no-mercado-do-trabalho-e-equivalencia-de-oportunidades/