Sesi-SP enfrenta o Paulistano pela semifinal do Campeonato Paulista

Agência Indusnet Fiesp

O time de Polo Aquático do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) faz uma pausa na Liga Nacional e disputa nesta quarta-feira (05/11), às 20h10, a semifinal do Campeonato Paulista contra o Club Athletico Paulistano. A partida acontecerá na piscina da Vila Leopoldina e terá transmissão online pelo twitter do Sesi-SP Polo (@sesipolo).

Após jogar neste fim de semana pela Liga Nacional e vencer o Botafogo nos pênaltis por 6 a 5, após empate em 10 a 10 no tempo normal (1×1/3×4/3×1/3×4) e o Flamengo por 17 a 8 (4×1/5×2/4×3/4×2), a equipe da Vila Leopoldina encerrou o primeiro turno da competição em segundo lugar com 17 pontos em 7 jogos, atrás apenas do Pinheiros (21 pontos).

Para o técnico André Avallone, uma semifinal contra o Paulistano é sempre difícil. Por contarem com jogadores estrangeiros e da seleção brasileira, o treinador acredita que o adversário é muito forte e fará um bom jogo.

“O Paulistano tem uma ótima equipe, com jogadores muito experientes, estrangeiros e atletas da seleção. Levamos a melhor nos últimos jogos, mas isso não significa nada. Será um jogo muito difícil fisicamente e taticamente”, completa.

Em jogo válido pela outra semifinal, o Pinheiros joga contra o Paineiras, também nesta quarta-feira, às 19h. Os vencedores de cada confronto se enfrentam pela final do campeonato nesta quinta-feira (06/11), às 20h10 na Vila Leopoldina.

 

Sesi-SP vence 1º torneio de polo aquático na Vila Leopoldina

Agência Indusnet Fiesp

A equipe principal do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) foi a grande vencedora do 1º Torneio Sesi-SP de Polo Aquático, realizado de 15 a 17 de maio, na piscina do Centro de Atividades (CAT) Gastão Vidigal, na Vila Leopoldina.

A equipe derrotou no último dia de competições o Clube Atlético Paulistano, por 15 a 11, depois de vencer na quinta (15/05) a equipe B do próprio Sesi-SP e o Clube Jundiaiense na sexta (16/05).

Na avaliação do técnico André Avallone, o último jogo foi muito importante para dar responsabilidade a jogadores mais jovens como Beto de Freitas, Henrique Lopes e Gabriel Salgado. “Por dois momentos da partida chegamos a ficar atrás por três gols, mas conseguimos manter a calma e recuperar. No último quarto, entramos com muita calma e decididos taticamente”, explicou Avallone.

O principal objetivo do torneio foi colocar em atividade as equipes que estão paradas desde março por conta do calendário.

Avallone destacou a importância de competições como essa. “Não estamos aqui apenas para vencer ligas e campeonatos, e sim para desenvolver a modalidade. Esse torneio serviu para que mais atletas tivessem a oportunidade de jogar.”

Sesi-SP inicia luta pelo bicampeonato paulista de Polo Aquático

Agência Indusnet Fiesp

O time de Polo Aquático do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) sentirá neste sábado (15/03) um gostinho especial. Pela primeira vez, a equipe começará uma competição defendendo o título. Campeão paulista em 2013, o Sesi-SP fará sua estreia na competição contra o Paineiras, às 11h15, na Vila Leopoldina, e tentará o bicampeonato sem a pressão de ser “o time a ser batido”. Para o técnico André Avallone, o time da Vila não entra como favorito, mas com a obrigação de chegar à final.

“Não temos obrigação de ganhar ou ser campeão. Vamos jogar para disputar o título. Esse é o nosso papel. O favoritismo é do Pinheiros, que se reforçou bastante e trouxe sete jogadores da Seleção Brasileira. Mas ainda temos o Tony Azevedo do nosso lado, e isso pode pesar bastante a nosso favor”, disse Avallone.

A fera Tony Azevedo fará sua segunda temporada na piscina da Vila Leopoldina e concorda com o treinador: o mais forte candidato ao título é o Pinheiros. Mas Tony está bem empolgado com o time do Sesi-SP para a temporada e projeta muitas alegrias.

“O nosso projeto é sempre melhorar e ajudar a desenvolver o esporte no país. E temos um time muito jovem. Por mais que tenhamos conquistado o título paulista e chegado na decisão do nacional, ainda temos muito a percorrer. Queremos todos os títulos que vamos disputar”, avisou Tony, que terá a companhia do experiente goleiro Marcelo Chagas para ajudar a comandar a equipe.

Ex-atleta do Fluminense, clube onde foi tricampeão nacional, Marcelo possui longa passagem pela seleção, sendo quatro vezes campeão sul-americano e medalha de bronze no Pan-Americano de Guadalajara (2011). Para o goleiro de 34 anos, a estrutura do Sesi-SP está acima dos clubes no Brasil e em diversos lugares do mundo. Além disso, Marcelo acredita que sua experiência poderá ser muito útil para liderar a equipe jovem e com um futuro promissor.

“Vim para São Paulo para aproveitar a estrutura do Sesi-SP e também pensando nas Olimpíadas de 2016. Joguei um ano na Espanha e não vi o que encontrei aqui. Nem nos outros clubes do Brasil. Ter uma piscina só para o polo é um diferencial incrível. O SESI-SP é hoje o time com o maior potencial do país. Tem garotos espetaculares de 20, 22 anos. No Fluminense, nossa média era de 30 anos. Estávamos no limite e jogando contra gente muito mais nova e com potencial. Falta pouco para o Sesi-SP deslanchar e não vai demorar muito para começarem a colher muitos frutos”, finalizou Marcelo.

O primeiro turno do Campeonato Paulista de Polo Aquático 2014 começa na sexta-feira, com Pinheiros x Paulistano, às 20h45, no Esporte Clube Pinheiros, e termina em maio. Por conta da Copa do Mundo de Futebol e compromissos da Seleção Brasileira de Polo, o campeonato retornará em agosto para o segundo turno. Confira abaixo a tabela de jogos do Sesi-SP do primeiro turno.

15/03/2014 Sábado 11:15 SESI SÃO PAULO SESI-SP X PAINEIRAS
24/03/2014 Segunda 20:00 SESI SÃO PAULO SESI-SP X HEBRAICA
04/04/2014 Sexta 20:30 CAP SÃO PAULO PAULISTANO X SESI-SP
12/04/2014 Sábado 11:30 SESI SÃO PAULO SESI-SP X CL JUNDIAIENSE
19/05/2014 Segunda 20:00 SESI SÃO PAULO SESI-SP X ECP


Serviço

Campeonato Paulista 2014

Sesi-SP x Paineiras
Data: 15/03/2014 (sábado)
Hora: 11h15
Local: Vila Leopoldina – Rua Carlos Weber, 835, Vila Leopoldina, São Paulo, SP
Entrada gratuita

No polo aquático, Sesi-SP fica com vice-campeonato inédito na Liga Nacional

Agência Indusnet Fiesp

Na final da VI Liga Nacional de Polo Aquático, o time masculino do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) fez uma ótima partida na tarde de sábado (14/12) diante do Fluminense, mas não conseguiu superar a maior experiência da equipe carioca, que venceu o jogo por 13 a 9, com parciais de 3-2, 4-3, 2-2

Com o resultado, o Sesi-SP ficou com o vice-campeonato, melhor participação de sua equipe desde que começou a participar da Liga Nacional. O presidente do Sesi-SP e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, entregou o troféu e as medalhas de prata aos atletas e comissão técnica. O Fluminense, com 15 vitórias em mesmo número de jogos, conquistou o tricampeonato da competição.

O jogo foi marcado pelo duelo entre dois craques: Tony Azevedo (Sesi-SP) e Felipe Perrone (Fluminense). O carioca, que participou de duas edições dos Jogos Olímpios pela seleção da Espanha, marcou cinco gols e desequilibrou na decisão. Já Azevedo fez quatro gols.

Na análise de Azevedo, principal reforço do Sesi-SP para a temporada, a equipe fez três quartos incríveis, mas não é fácil enfrentar um time com a experiência do Fluminense. “Acho que, com poucos mais anos, o Sesi-SP pode ser uma superpotência no polo aquático.”

Tony Azevedo (8) marcou quatro gols no jogo. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

O técnico da equipe, André Avallone, disse que o Sesi-SP perdeu para o melhor time do campeonato. “Realmente o Fluminense é muito superior. Um time de estrelas. Nós, um time jovem, mais a experiência do Tony”, avaliou, acrescentando que depois da expulsão do capitão, Rudá, o time deu uma caída.

Ao final da partida, Paulo Skaf cumprimentou o time pelo resultado. “Segundo lugar é muito bom. O Fluminense jogou bem. Estou muito orgulhoso do nosso time polo aquático”, afirmou o presidente, depois de observar que a entrada do Sesi-SO deu um outro panorama para o polo aquático no Brasil. “Hoje temos quase 1000 jovens praticando polo aquático e há poucos anos não tínhamos nenhum. Isso só nos nossos alunos.”

De acordo com o diretor de Esporte e Qualidade de Vida do Sesi-SP, Alexandre Plufg, a campanha foi excelente. “São mais de 10 anos que as finais ficam no eixo entre Fluminense e Pinheiros. Dessa vez a equipe do Sesi-SP conseguiu quebrar esse paradigma e fazer uma final. Jogaram muito bem. O jogo foi equilibrado até o terceiro quarto”, comentou, observado a dificuldade de enfrentar um Fluminense repleto de jogadores de nível internacional. “Nosso time é 100% com garotos categoria de base. Só o Tony que veio para complementar o time nessa temporada. E o time foi muito guerreiro. O esporte é assim. Tem dia que você ganha e tem dia que você perde. Mas o importante é o exemplo que eles vão dar para a garotada.”

Grummy, um dos destaques do Sesi-SP, disse acreditar que a campanha foi muito boa. “A gente veio numa crescente na competição. Fizemos bons jogos e, às vezes, por falta de experiência, deu uma ‘abaixadinha’ no nível. Hoje foi no detalhe. Demos um bom exemplo para a criançada. Agora é continuar trabalhando para se Deus quiser melhorar ainda mais essa campanha.”

Segundo Azevedo, ver um jogo como esse incentiva as crianças e os jovens. “Isso é muito importante para as crianças: ídolos”, resumiu, acrescentando que a estrutura do Sesi-SP é similar à que estava acostumado a ver na Europa, onde jogou muitos anos.

Marcaram pelo Sesi-SP Tony Azevedo (4), Rudá Franco (2), Gabriel Salgado (1), Antonio Inserra (1) e Gustavo “Grummy” Guimarães (1). Pelo Fluminense, assinalaram gols Felipe Perrone (5) Kiko Perrone (3), Bernardo Gomes (2), Josip Vrilic (1), Ádria Delgado (1) e Bernardo Braga (1).