Encontro internacional discute reabilitação e reintegração profissional

Agência Indusnet Fiesp

Especialistas da Alemanha, Portugal e Brasil estarão presentes ao Encontro Internacional das Melhores Práticas em Reabilitação Profissional, que acontece nesta quinta feira (10) na sede da Fiesp.

O evento faz parte do programa Sou Capaz, criado pelo Departamento de Ação Regional (Depar) da federação para dar apoio institucional e informações técnicas e legais às indústrias, em questões relativas à inclusão profissional das pessoas com deficiência.

O principal objetivo do encontro é discutir a reabilitação profissional de trabalhadores afastados por doença ou acidentes, além de mostrar a importância da união de esforços entre Estado, empregadores, seguradoras e prestadores de serviços em reabilitação médica e profissional.

Outra questão importante a ser tratada é a dificuldade que as empresas enfrentam para cumprir a Lei de Cotas. De acordo com a Lei, organizações que têm entre 100 e 200 empregados devem reservar pelo menos 2% das vagas para profissionais com deficiência. Para empresas com até 500 funcionários, a cota sobe para 3%; com até 1.000, 4%; e acima de 1.000, 5%.

A principal dificuldade relatada pelos empresários, para cumprimento da Lei, é com relação à escassez de mão de obra com esse perfil. O elevado número de trabalhadores afastados por doenças ou acidentes provoca aumento dos gastos sociais com programas de atenção à doença e à incapacidade, resultando em enormes prejuízos tanto para a iniciativa pública quanto para a privada.

Confira aqui a programação do evento.