Nota oficial: ‘não é hora de subir os juros’, diz Paulo Skaf sobre decisão do Copom de elevar Selic para 9%

Nota oficial 

Em sua reunião de hoje (28/08), o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central definiu o novo valor da taxa Selic em 9%a.a., com aumento de 0,5p.p. Para a Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp), o Banco Central errou novamente, já que o aumento dos juros continuará dificultando a retomada da economia, que se encontra em um “quadro letárgico”, como define, Paulo Skaf.

“A indústria vai crescer menos de 2% em 2013 e não conseguirá compensar a retração de 2,5% do ano passado. O comércio, que no primeiro semestre do ano passado cresceu 7%, este ano chegou com dificuldades aos 3,7%. E o volume de criação de empregos do Caged registrou o pior julho desde 2003. Não é hora de subir os juros”, disse ele.

“A economia brasileira está parando e, com essa medida, o Banco Central pode precipitar uma recessão, gerando desemprego e redução de renda. Isto tira ainda mais a competitividade do Brasil e o que já não estava bom pode ficar ainda pior. Há muito tempo pedimos mudanças na política econômica, na direção de maior controle de gastos e menos uso da taxa de juros”, afirmou Skaf.


Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp)
Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp)