Equipe de Mauá vence etapa seletiva de São Paulo no 4º Torneio de Robótica do Sesi-SP

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

Ao som de “We Are The Champions”, clássico da banda de rock Queen, a equipe “Sesi Mentes do Futuro”, da unidade de Mauá, ficou com o primeiro lugar na Champion’s Award, principal categoria da quarta edição do Torneio Sesi-SP de Robótica. O resultado foi anunciado no final da tarde desta sexta (16/11), no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo, local da 7ª Olímpiada do Conhecimento. O troféu foi entregue pelo superintendente do Sesi-SP, professor Walter Vicioni Gonçalves.

A equipe obteve a melhor média de pontuação de acordo com critérios como inspiração, trabalho em equipe, profissionalismo (cortesia, respeito, coleguismo), desempenho do robô, design mecânico, programação, estratégia e inovação, pesquisa e projeto de pesquisa.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537756833

Cerimônia de encerramento. Foto: Mário Castello.


Veja as 10 equipes classificadas na categoria Champion’s Award:

1º – Mentes do Futuro – Sesi-SP Mauá
2º – Tecnobody – Sesi-SP Catumbi
3º – Challenger – Sesi-SP Cruzeiro
4º – Robonautas 3G – Sesi-SP Vila Leopoldina
5º – Thinking Machine – Sesi-SP Vila das Mercês
6º – Connectors Robotics – Sesi-SP Santos
7º – Dominus – Sesi-SP São Caetano do Sul
8º – Delta – Sesi-SP São Bernardo do Campo
9º – Cyber League – Sesi-SP A.E. Carvalho
10º – Robotics – Sesi-SP Brotas

Na avaliação do coordenador do projeto Robótica-Sesi, Mario Eugênio Simões Onofre, o resultado dessa etapa surpreendeu por reunir várias equipes novatas. “O que significa que eles estão vindo muito bem preparados”, destacou, ressaltando a importância de esta etapa seletiva ter contado com a presença de equipes europeias (Alemanha e Holanda). “Mostrou que nós não estamos tão longe”, comparou.

Segundo Mario Eugênio, como é mais conhecido, seu maior sonho é ver uma equipe do Sesi-SP campeã mundial.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537756833

Os campeões. Foto: Mário Castello


O 4º Torneio de Robótica do Sesi-SP

No desafio Senior Solutions, tema da temporada 2012/2013 da FIRST® LEGO® League (FLL), o objetivo dos times é propor soluções inovadoras para manter a qualidade de vida das pessoas na terceira idade.

Cada equipe (composta por seis alunos, um técnico e um mentor) teve como meta a construção e a programação de um robô autônomo para, posteriormente, conduzi-lo por um circuito com 15 missões.

Os grupos foram avaliados em quatro requisitos: realização das missões; apresentação do projeto de pesquisa; projeto de robô; e trabalho em equipe. Em relação à pesquisa, os alunos são estimulados a identificar um problema, buscar uma solução inovadora e compartilhar o resultado com a comunidade.

O Torneio Sesi-SP de Robótica é voltado aos estudantes dos ensinos fundamental I e II da entidade. As 34 equipes com as melhores colocações nas oito seletivas classificam-se para a Etapa Estadual da competição. Os oito times com as melhores classificações na Etapa Estadual habilitam-se para da Etapa Nacional que será realizada em dezembro e, posteriormente, têm a chance de conquistar vaga em campeonato internacional.

A cada ano, o Torneio Sesi-SP de Robótica baseia-se em um tema diferente proposto pela First (For Inspiration and Recognition of Science and Technology), fundação americana que promove campeonatos de robótica em todo o mundo.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537756833

As 10 equipes mais bem colocadas no Champion´s Award. Foto: Mário Castello

Sesi-SP treina 150 técnicos durante preparativos para 4º Torneio de Robótica

Agência Indusnet Fiesp

O Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) promoveu de 11 a 13 de setembro, em Poços de Caldas (MG), um encontro com os 150 técnicos  técnicos das equipes do 4º Torneio de Robótica.

O evento representou uma etapa final dos preparativos para o torneio, cujas seletivas terão início no dia 10 de outubro, em Presidente Prudente (SP). Esta é a maior edição do torneio já promovido pela entidade e contará com a participação de 152 equipes, o que totaliza 912 alunos.

Segundo o coordenador do projeto Robótica-Sesi, Mario Eugênio, o treinamento foi uma oportunidade de nivelar o conhecimento dos responsáveis pela orientação de alunos sobre envelhecimento, tema da competição deste ano.

Na ocasião, os técnicos ouviram palestras de médicos especializados em medicina social, saúde pública, nutrição e atividade física. O foco das discussões foi o envelhecimento saudável, tema do 4º Torneio de Robótica.  Além disso, houve palestras para ajudar os chefes de equipes a orientar as pesquisas dos alunos de robótica do Sesi-SP.

A mesa de debates teve a coordenação do Dr. Ricardo Oliva, diretor de Qualidade de Vida do Sesi-SP, e a participação de: Dr. Alexandre Kalache, presidente do International Longevity Center do Brasil; Dr. José da Silva Guedes, doutor em Saúde Pública e professor titular da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo; Dr. Victor Tsudo, diretor científico do Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul e coordenador geral do Programa Agita São Paulo.

Sobre o 4º Torneio de Robótica

O campeonato é voltado a estudantes do Ensino Fundamental II. Nesta edição, serão realizadas oito seletivas, sendo a primeira no dia 10 de outubro, em Presidente Prudente (SP). Cada seletiva terá no máximo 16 equipes, exceto a etapa de São Paulo, que será realizada em novembro, no Pavilhão de Exposição do Anhembi.

As equipes com as melhores classificações participam da Etapa Nacional – promovida em dezembro, pelo Instituto Aprender Fazendo – e têm a chance de conquistar vaga em um campeonato internacional.

Na última temporada, que teve como tema Food Factor, o Sesi-SP foi representado pelas escolas de São José do Rio Preto, Catumbi e Itapetininga nos campeonatos internacionais FLL World Festival (St. Louis, EUA), FLL Open Championship “Robots in Paradise” (Winter Haven, EUA) e FLL open European Championship (Mannhein, Alemanha).

O primeiro Torneio de Robótica da entidade foi realizado em 2009, no Pavilhão e Exposições do Anhembi, e reuniu 53 times. O desempenho das unidades do Sesi-SP garantiu participação no Campeonato Brasileiro e vaga para a equipe da escola Sesi de São José do Rio Preto participar do aberto da Ásia, realizado em Taiwan. O time brasileiro concorreu com outros 59 times de 26 países e levou o prêmio de Melhor Técnico e Mentor de Equipe.

Incentivo

Na opinião de Walter Vicioni, superintendente operacional do Sesi-SP, o objetivo do evento é incentivar o estudo da ciência e da tecnologia a partir do Ensino Fundamental II e, posteriormente, fortalecer esse aprendizado nas oficinas e laboratórios do Senai-SP. “A competição testa a capacidade de inovação, criatividade e raciocínio lógico dos nossos alunos, competências determinantes para o futuro profissional dessas crianças e jovens.”

Na metodologia utilizada no Sesi-SP, as crianças são estimuladas a desenvolver competências e habilidades para a aplicação da ciência, desmistificando o uso da tecnologia na vida moderna. Os trabalhos na área de robótica são desenvolvidos com kits didáticos da Lego e supervisionado por analistas de suporte em informática.

O evento tem como parceiro a organização não-governamental (ONG) norte-americana For Inspiration and Recognition of Science and Technology (First), fundada em 1989 para estimular o ensino e a prática da ciência e da tecnologia entre os jovens. Mundialmente, a entidade congrega mais de 212 mil estudantes, 19,5 mil times, 17,5 mil robôs, 57 mil mentores e 33 mil voluntários.