Confira o espetáculo juvenil ‘Amado’ no Centro Cultural Fiesp- Ruth Cardoso

Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539950348

História mistura circo, comédia, drama e tragédia, em seus variados sotaques e trejeitos


Inspirada na vida e obra de Jorge Amado, a peça Amado, escrita e dirigida por Rosane Almeida para o público jovem, faz uma leitura sobre diversos protagonistas criados pelo famoso autor baiano, cujo centenário de nascimento comemora-se neste ano.

O espetáculo, com entrada gratuita, está em cartaz no Teatro do Sesi São Paulo, no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso. A temporada vai até 2 de dezembro com apresentações para o público em geral aos sábados e domingos, às 16h. Às quintas e sextas, haverá sessões exclusivas para escolas.

Homenagem 

Difícil encontrar um brasileiro que não tenha se envolvido com as tramas do escritor, seja por meio de um de seus 45 livros publicados ou pelas versões de suas obras, adaptadas para o teatro, o cinema, as novelas e até aos enredos de escolas de samba. Na história de Amado, o circo, a comédia, o drama e a tragédia, em seus variados sotaques e trejeitos, são partilhados com o público.

Nove artistas que integram o Instituto Brincante – do qual também faz parte a diretora Rosane Almeida – reinventam personagens e conflitos presentes nas obras do escritor baiano, dentre elas Dona Flor e Seus Dois Maridos, Quincas Berro D’água, Gabriela, Cravo e Canela e Capitães de Areia. E, dessa forma, homenageiam a obra de um escritor que soube traduzir como poucos a alma coletiva do povo brasileiro.

“Para criar sua vasta obra, Jorge Amado inspirou-se em pessoas de reais do cotidiano, que via perambulando pelas ruas, subindo e descendo as ladeiras de Salvador. A baiana, o pescador, o bêbado, o capoeirista, o entalhador e o malandro sedutor ganharam nome e sobrenome em sua literatura”, destaca Rosane Almeida.

Instituto Brincante

Brincante é como os artistas populares se autodenominam. Não se dizem músicos, atores ou bailarinos. São Brincantes, e os seus espetáculos são a sua brincadeira, o seu brinquedo. Essa visão lúdica do fazer artístico está presente tanto na metodologia como nas atividades que se desenvolvem no Instituto Brincante. Durante 20 anos de trajetória, a instituição consolidou-se como um lugar de pesquisa, assimilação, criação e principalmente como um espaço de encontros e trocas que possibilitam compartilhar a riqueza da nossa cultura e sua importante diversidade. Todos esses são caminhos que tradicionalmente ajudaram o ser humano a entender seu espaço e a interferir na ordem social. Caminhos que levam ao conhecimento do potencial humano e de sua capacidade única de criação. Ao criar, o ser humano se inventa e pode inventar também a sociedade que deseja para si.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539950348

Nove artistas do Instituto Bricante reinventam personagens e conflitos das obras de Jorge Amado


Ficha técnica
Direção e roteiro: Rosane Almeida
Texto: Marcelino Freire em colaboração com Luan Maitan e elenco
Assistente de direção: Antônio Meira
Direção musical: Leonardo Gorosito
Consultoria artística: Antonio Nóbrega
Elenco: Alencar Martins, Antônio Meira, Carla Passos, Cristiano Meireles, Fláira Ferro, Flora Popovic, Leonardo Gorosito, Rosane Almeida e Saulo Bortoloso.
Produção Executiva: Fernanda Assis

Serviço
Espetáculo Amado
Local: Teatro do Sesi São Paulo – Av. Paulista, 1313, Metrô Trianon-Masp, Capital
Temporada: de 23 de agosto a 2 de dezembro de 2012
Datas e horários: aos sábados e aos domingos, às 16h. Às quintas e às sextas-feiras, as sessões são exclusivas para agendamento escolar
Agendamentos escolares e de grupos: de segunda a sexta-feira, das 10h às 13h e das 14h às 17h, pelo telefone (11) 3146-7439
Capacidade: 456 lugares
Duração: 75 minutos
Classificação indicativa: livre
Informações: (11) 3146-7405
Entrada franca – a distribuição dos ingressos tem início a partir da abertura da bilheteria, no dia do evento. Podem ser retirados dois ingressos por pessoa
Horário de funcionamento da bilheteria: de quarta a sábado, das 12h às 20h30; e aos domingos, das 11h às 20h.

Leia mais