Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico de Fortaleza mostra ações positivas para a cidade e o setor de climatização

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Fortaleza, Mosiah de Caldas Torgan, explicou quais são as ações que o município faz, para atrair novos investidores. O carro chefe da Secretaria é o Programa Fortaleza Competitiva. Segundo ele, o grande desafio da capital cearense é a falta de espaço para a instalação de novas indústrias. Os terrenos existentes são próximos às regiões protegidas ambientalmente. “Um dos segmentos a ser trazido para Fortaleza é o tecnológico, já que somos uma cidade mais de serviços, do que industrial”, comentou o secretário.

Fortaleza Competitiva tem quatro linhas de ação: incentivos e regulamentações; arranjos público-privados; desburocratização e mercado de trabalho.

Newton Victor, presidente da Rede Sindiar e diretor regional da Abrava Nordeste, falou sobre o problema da informalidade do segmento e a necessidade de uma parceria com o município para diminuí-la. “Para o segmento de Climatização e Refrigeração, uma das ações importantes a serem tomadas é a acreditação de profissionais qualificados. Uma das maneiras é fazer o trabalho em conjunto com  a Academia, empresas e governo” comentou  Newton.

Carlos Trombini, presidente do Sindratar-SP ficou muito satisfeito com a gestão da Secretaria, focada em resultados. “É muito bom conhecer as oportunidades para o nosso setor”, finalizou.