imagem google
Início do conteúdo

Vôlei: Sesi-SP é derrotado pelo Sada/Cruzeiro e fica com o vice na Superliga

Final aconteceu na manhã deste domingo (13/04) no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte

Ariett Gouveia, Agência Indusnet Fiesp, de Belo Horizonte

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537315546

Equipe venceu 23 dos 27 jogos que disputou na edição 2013/14 da Superliga. Foto: Fiesp

O time do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) não conseguiu vencer a forte equipe do Sada/Cruzeiro e ficou com o segundo lugar na Superliga de vôlei 2013/14. A final foi disputada neste domingo (13/04) e o time mineiro venceu por 3 sets a 0 (parciais foram de 21/19, 21/17 e 21/18).

A partida encerra a temporada 2013/14 da equipe. Na Superliga, a equipe comandada atuou 27 vezes, com 23 vitórias e quatro derrotas . No campeonato paulista, em 2013, o Sesi-SP foi o campeão ao superar o Brasil Kirin/Campinas.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Sesi-SP, Paulo Skaf, entregou para os jogadores e comissão técnica as medalhas de prata e o troféu de vice-campeão.

O Sesi-SP entrou em quadra com Renan, Murilo, Sandro, Sidão, Lucarelli e Lucão, mais o líbero Serginho. Durante a partida, entraram Thiaguinho, Rogério, Mão e Manius.

O Sada/Cruzeiro do técnico Marcelo Mendez entrou com William, Wallace, Filipe, Leal, Isac e Éder, além do líbero Serginho. Entraram: Vinhedo, Paulo Victor, Douglas Cordeiro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537315546

Com o filho no colo, o levantador Sandro, capitão da equipe, recebeu o troféu pelo vice-campeonato. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


O jogo

De um lado, o melhor pontuador da Superliga, o oposto do Cruzeiro Wallace. Do outro, o melhor bloqueador da competição, o central Sidão, do Sesi-SP. Foi a final da mais importante competição do vôlei brasileiro, com emoção em cada detalhe: ginásio lotado, equipes preparadas e buscando a vitória em cada lance e jogadas magistrais dos dois lados da quadra.

O Sesi-SP começou no saque com Murilo, mas foi o Sada que abriu o placar e chegou aos 3 a 0. Em seguida, com Sidão no saque, o Sesi-SP empatou. A disputa seguiu ponto a ponto, com as duas equipes buscando entrar no ritmo do jogo e encaixar as jogadas. No primeiro tempo técnico, 7 a 6 para o time da casa. As equipes mantiveram o placar equilibrado até o décimo ponto, quando o time mineiro conseguiu abrir 12 a 9.

Mas o Sesi-SP foi buscar o empate, contando com a força do bloqueio de Lucão e Lucarelli. O Cruzeiro conseguiu abrir novamente e chegou a 16 a 13. O Sesi-SP não desanimou e mesmo com o set point  do adversário marcou mais dois pontos e chegou ao 19º. Mas Wallace fechou para o Sada em 21 a 19.

O Sesi-SP abriu o segundo set com o ataque de Renan, mas o erro no saque permitiu o empate. Como é esperado em uma final, novamente, as equipes se perseguiram no placar e mostraram nervosismo em muitos momentos. No Sesi-SP, os ataques de Renan foram o destaque. Mas o Cruzeiro aproveitou os erros do Sesi-SP, abriu 15 a 13 e segurou a vantagem de dois pontos.

Com o placar em 19 a 16, o Sesi-SP chegou ao 17 ponto depois de um rally incrível, que resultou em bola fora do Cruzeiro. Mas na sequência, o time da casa fez dois pontos seguidos e fechou o set com um ace de Eder.

O terceiro set era tudo ou nada para o Sesi-SP, mas o Cruzeiro queria definir. E veio com força, jogando nas falhas do Sesi-SP, e chegou aos 7 a 2. Só o bloqueio de Lucão trouxe o saque de volta para o Sesi-SP, mas o Cruzeiro recuperou e fez 8 a 3.O Sesi-SP ainda buscou a recuperação, mas não conseguiu tirar a diferença de cinco pontos no placar. O Cruzeiro ainda aumentou a vantagem, com o ataque de Leal, marcando 17 a 11.

O saque de Sidão, que marcou o 14º ponto do Sesi-SP, foi um dos poucos bons momentos da equipe em quadra. Dois ataques de Lucarelli também mostraram porque o Sesi-SP estava na final e a equipe demonstrou uma reação. Com o Sada no set point, Lucarelli foi para o saque e o Sesi-SP fez dois pontos e chegou a 20 a 18. Mas o Cruzeiro saiu campeão, marcando 21 a 18.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537315546

Equipe agradece apoio de torcedores do Sesi-SP no Mineirinho. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp