imagem google

Skaf anuncia criação de time feminino de basquete do Sesi-SP

Equipe de alto rendimento vai ter Araraquara como base

Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, anunciou nesta sexta-feira (23 de março) em Araraquara a criação da equipe feminina de basquete de alto rendimento do Sesi-SP, que vai ficar baseada na cidade. Após o saldo positivo do trabalho realizado no basquete em Franca e a parceria com o vôlei feminino em Bauru, o Sesi-SP dá mais um passo na formação esportiva no país.

“É um time para ser altamente competitivo, ganhar campeonatos, para fazer bonito, dar exemplo para milhões de jovens, que vão praticar esporte, o que vai fazer bem para a saúde”, disse Skaf ao apresentar o projeto, que terá como coordenadora Roseli Gustavo, que foi medalha de prata no basquete feminino na Olimpíada de Atlanta, em 1994. “Nosso time nasceu hoje”, disse Skaf, destacando o empenho do prefeito de Araraquara, Edinho Silva, na formação da parceria que tornou possível a iniciativa.

“Araraquara tem cultura no basquete”, lembrou Skaf. O próprio Sesi-SP tem na cidade times de base, com atletas que serão priorizadas na montagem da equipe de rendimento.

O prefeito comemorou a criação do time. Segundo ele, há um efeito benéfico em ter essa equipe de competição, o que estimula a procura de crianças e adolescentes por escolinhas de esporte. Isso é um dos pilares do Sesi-SP, a pedagogia do exemplo.

“Nada disso seria possível sem Paulo Skaf”, disse Edinho, listando, além do time de basquete, diversas outras ações do Sesi-SP e do Senai-SP na cidade, em cultura, em esporte e em formação profissional. “Você é parceiro da cidade de Araraquara. Coloca os interesses da sociedade de São Paulo em primeiro plano.”

A indústria, por meio do Sesi-SP, prioriza a união do esporte e a educação. Essa prática, que conta hoje com o desenvolvimento de 18 modalidades, sendo elas olímpicas e paralímpicas, totaliza cerca de 700 atletas entre base e rendimento. Modalidades como atletismo, luta olímpica, judô, vôlei, natação, polo aquático, goalball, entre outras, estão divididas entre grande São Paulo, litoral e interior do Estado.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544514012

Paulo Skaf durante a apresentação em Araraquara do time de rendimento de basquete feminino do Sesi-SP. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Convênio Atleta do Futuro

Skaf também assinou convênios do programa Atleta do Futuro (PAF) com os municípios de Trabiju, Boa Esperança do Sul e Monte Alto, somando 806 vagas. Criado para estimular a prática esportiva e a cidadania, o programa Sesi-SP Atleta do Futuro está presente em todo o estado de São Paulo. São mais de 100.000 alunos beneficiados pelo programa, que envolve 187 prefeituras conveniadas.

Atendendo 80 alunos, a parceria com o município de Trabiju é voltada para a prática do karatê. Em Boa Esperança do Sul são 276 vagas para as modalidades futebol e karatê. E para Monte Alto, que tem como empresa parceira a HBA Hutchinson Brasil Automotive, o programa oferece 450 vagas para a prática de atletismo, judô, karatê e voleibol.

Skaf também firmou na mesma data convênio do PAF com São Carlos que atenderá 840 alunos com a prática de atletismo, basquete, judô, handebol, futsal, kung-fu e xadrez. Para Descalvado, o programa oferecerá 715 vagas para a prática de natação, futebol, tênis de mesa, badminton e ginástica artística.

Além de introduzir a prática esportiva aos participantes, os alunos recebem orientação em temas transversais como saúde, trabalho, consumo consciente, meio ambiente e pluralidade cultural, dentre outros. Os instrutores trabalham para difundir valores como ética, superação, autoestima e socialização, com o intuito de ajudar o aluno a se desenvolver de modo pleno.

Skaf assinou no mesmo dia convênio com o município de Gavião Peixoto, na Câmara Municipal da cidade, beneficiando 170 alunos com a prática de basquete, futsal e karatê.