Sesi-SP luta, mas perde primeira partida da final da Superliga de vôlei

Sada Cruzeiro faz 3 a 2 e disputa em casa o segundo jogo

Graciliano Toni, Agência Indusnet Fiesp

O Sesi-SP jogou muito, mas erros no saque deram vantagem ao Sada Cruzeiro na primeira partida da final da Superliga 2017/18 de vôlei masculino, no Ginásio do Ibirapuera. O time de Minas venceu por 3 a 2, com parciais de 25 a 23, 25 a 27, 26 a 24, 22 a 25 e 15 a 12.

A segunda e última partida será disputada no Mineirinho, ginásio em Belo Horizonte, no dia 6 de maio, com tansmissão pela Rede Globo e pelo canal de TV por assinatura SporTV. Em caso de vitória do Sesi-SP haverá disputa do golden set, em 25 pontos.

Começaram o jogo pelo Sesi-SP William, Lucão, Lipe, Douglas Souza, Gustavão, Murilo e Alan. Entraram Franco, Aracaju, Piá e Evandro.

Depois da partida, Lipe disse em entrevista ao canal de TV por assinatura SporTV que o Sesi-SP jogou bem, mas errou muito no saque.

Paulo Skaf com o líbero Murilo, da equipe de vôlei do Sesi-SP. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

A partida

William sacou errado, e o Cruzeiro saiu na frente. Erro de saque do Cruzeiro, com Simon, deu o empate. Lipe foi para o saque, mas Cruzeiro fez. O Cruzeiro começou a abrir vantagem, depois de Alan atacar bem. Gustavão sacou, mas Leal cortou e tomou o ponto. 4 a 2. Na sequência Leal sacou bem. Nova pancada em seguida, e na disputa Leal cortou e marcou de novo, 6 a 2.

Douglas Souza descontou, encaixando entre os dois bloqueadores. 6 a 3. Depois veio o 7 a 3. Lipe recebeu e já levantou para Lucão cravar. 7 a 4. Douglas Souza sacou, mas não evitou o 8 a 4. Evandro sacou bem, o Sesi defendeu, mas depois parou no bloqueio de Simon, 9 a 4. E o Cruzeiro fez mais 2. Lipe descontou, 11 a 5. Lucão sacou para fora. Uriarte sacou na rede, 6 para o Sesi-SP. William devolveu o erro, também na rede.

Simon no saque, troca de bolas, Lipe cortou no pé de Simon. Depois errou o saque, mas compensou com nova bela cortada. 15 a 9 para o Cruzeiro. Leal sacou na rede, para o décimo do Sesi-SP. Lipe cortou para fora, 16 a 10.

Isac sacou, Douglas encaixou bem o ataque, evitando o bloqueio, sacou com uma bela pancada, e depois Lucão subiu bem e matou o ponto. 16 a 12

Depois veio o 13º, e ainda com Douglas Souza no saque, o 17º ponto do Cruzeiro. Uriarte sacou na rede. Lucão fez ace, para 17 a 15. Um belo bloqueio do Sesi-SP lhe permitiu encostar, 17 a 16. Rodriguinho entrou e errou seu primeiro saque.

Simon sacou para fora, 19 a 18, e depois o Sesi-SP empatou com um belo bloqueio após o saque de Lipe. A virada parecia ter vindo com a cortada pra fora de Simon, mas o desafio mostrou toque no bloqueio.

Com Uriarte no saque, 21 a 19 para o Cruzeiro. Bola na antena deu o vigésimo ponto ao Sesi. Lucão cravou de novo do meio da rede depois do saque de Gustavão, e o Sesi-SP empatou, mas Evandro pôs de novo o Cruzeiro na frente. Tempo pedido pelo Sesi-SP quando o Cruzeiro vez 23 a 21.

Com Leal no saque, Lipe marcou. O Sesi-SP fez a inversão, com Evandro e Franco, e com a saída de Alan e William, que voltaram em seguida, no 24 a 22.

Douglas sacou para fora, e o Cruzeiro fechou o primeiro set em 25 a 23.

Partida foi dura e equilibrada, com erros de saque prejudicando o Sesi-SP. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

O segundo set começou com belos lances. Levantamento de Uriarte e ponto, compensado depois pelo Sesi-SP com boa encaixada de Alan. O Cruzeiro começou a abrir vantagem. Leal cortou bem, no canto da quadra, para o Cruzeiro virar e abrir em seguida com bloqueio de Rodriguinho em cima de Alan, 5 a 3. Evandro aumentou a vantagem. Com Leal no saque, o Sesi-SP atacou e ganhou o ponto com o bloqueio para fora do Cruzeiro, que depois fez 7 a 4. Lucão descontou, mas o saque de Douglas Souza não segurou. 8 a 5. Aí Alan encaixou na quina oposta da quadra, para 8 a 6. O Cruzeiro marcou de novo, 9 a 6, mas o Sesi-SP tomou o ponto no saque de Rodriguinho. William sacou, e a sequência de jogadas foi encerrada com dois-toques do Cruzeiro, levando a partida para 9 a 8.

De novo o Cruzeiro abriu vantagem, chegando a 12 a 9. Lipe no saque no 11 a 9, na rede, e o Cruzeiro foi a 12. Douglas Souza atacou bem depois do saque de Gustavão, em seguida Lucão bloqueou bem para o 12 a 11. E o empate veio graças a Douglas Souza, após levantamento de Willian, do outro lado da quadra.

Cruzeiro voltou a abrir 2 de vantagem com saques de Leal, depois 3, com ataque do próprio Leal. Tempo no 15 a 12.

Franco entrou no lugar de Alan no 16 a 12. Houve erro de Leal no saque, e Franco sacou em seguida, com ace. Depois o Sesi-SP encostou, 16 a 15, com belo bloqueio de Lucão.  Franco então sacou na rede.

Isac sacou para fora, 17 a 16. Saque de Douglas Souza, ataque de Lipe, bloqueio para fora, e empate em 17 a 17. Toque na rede de Lucão deixou o Cruzeiro na frente de novo, mas o empate veio. E o Sesi-SP passou na frente, com bloqueio de Lucão.

Lipe desempatou de novo, 20 a 19. William sacou muito bem, na linha, 21 a 19 com ace. Evandro diminuiu, Simon sacou, e um belo rali encerrado com ponto do Cruzeiro após Uriarte mergulhar para salvar um bola e depois matar o ponto. Empatou.

O Sesi-SP fez 22 a 21, depois veio o empate. Virada com bloqueio de Evandro, e pedido de tempo pelo Sesi-SP no 23 a 22.

Franco empatou. Gustavão sacou, defendeu bem, mas o ponto acabou com cortada de Isac. Leal sacou para fora, 24 a 24. Franco sacou forte em Leal, e o ponto terminou com bloqueio de Douglas Souza. Set point para o Sesi-SP, e pedido de tempo pelo Cruzeiro. Empate na pancada de Isac, que sacou em seguida para fora. Novo set point. Douglas Souza no saque, toque na rede de Filipe depois de troca de bola meio desordenada, e o Sesi-SP fechou o set e fez 1 a 1 na partida.

O Cruzeiro confirmou o saque no início do terceiro set, mas o Sesi-SP empatou em seguida. Lipe, no saque, não evitou o ponto para o Cruzeiro. Empate. Gustavão sacou, mas o ponto foi para o adversário. Empate no saque para fora do Cruzeiro. Franco no saque, 4 a 3, mas em seguida sacou para fora.

Isac sacou, defesa não funcionou, 5 a 4. Empate na condução de Simon. Douglas Souza sacou, mas Leal não deu chance e cravou a bola para 6 a 5. Lipe empatou. Lucão no saque, Simon encaixou bela pancada. E continuou a disputa ponto a ponto.

William sacou, mas o Cruzeiro passou à frente de novo com Leal, 9 a 8. Franco atacou bem, depois de belo passe de William. Lipe no saque não evita nova passagem do Cruzeiro à frente, 10 a 9. Empate em mão na rede de Evandro, depois de dar uma cotovelada na boca de Isac.

Ponto confirmado por Lucão após saque de Gustavão. 11 a 10, para o empate em seguida. Leal sacou, Franco matou. 12 a 11. Franco sacou para fora, permitindo o empate. Com Isac sacando, empate do Sesi-SP.

Douglas Souza sacou, mas o Cruzeiro marcou e passou à frente. Lipe empatou de novo. Lucão sacou para fora. Em 16 a 15, Simon sacou na rede.

Lipe sacou depois de pedir apoio da torcida, mas o Cruzeiro fechou o ponto. Empate no saque para fora do Cruzeiro. Gustavão sacou, Douglas Souza fintou e colocou a bola, em vez de cortar. Depois empate em 18 a 18. E Leal sacou para fora.

Alan e Evandro entraram na inversão, com a saída de William e Franco. E Alan encaixou bem a bola, fazendo 20 a 18 e levando a pedido de tempo pelo Cruzeiro. O Sesi-SP não confirmou o ponto no saque de Evandro. 20 a 19, e saque de Isaac, anulado por ataque de Douglas Souza, que depois sacou na rede. 21 a 20, depois o Sesi-SP abriu para 22 a 20 com Lipe. Não conseguiu aproveitar a vantagem, e o Cruzeiro empatou. Pedido de tempo, e desfeita a inversão, Lipe levou o Sesi-SP à frente de novo. No saque de William, Uriarte deixou de segunda e marca. Simon fez ace no saque, e o Cruzeiro foi para o set point, que Franco não deixou ganhar.

Lipe sacou forte, mas o Cruzeiro ganhou o ponto. Novo set point, com Uriarte no saque e ponto confirmado por Isac. O Cruzeiro fez 2 sets a 1 no jogo.

O quarto set começou com saque para fora do Cruzeiro. William sacou, mas o Cruzeiro empatou. Lipe sacou na rede, e o Cruzeiro reempatou. Gustavão sacou bem, o Sesi-SP fez 4 a 2, o Cruzeiro encostou de novo, Lucão cortou sem bloqueio para 5 a 3. Em erro de Filipe, 6 a 3.

Franco sacou na rede, Isac foi para o saque, cruzado, e o Cruzeiro confirmou. Novo saque cruzado, em Murilo, mas Franco matou o ponto. Douglas Souza sacou, e o Cruzeiro voltou a encostar, 7 a 6. Depois do saque do Cruzeiro, toque na rede de Uriarte. Lucão foi para o saque em 8 a 6, mas Leal bateu forte do meio e fez o sétimo. O Cruzeiro empatou em seguida. William sacou com o Sesi-SP na frente de novo, e Lipe confirmou. 10 a 8.

Tempo pedido pelo Cruzeiro no 11 a 8. Pancada de William no saque, depois anulada por ataque forte de Leal. 11 a 9. Simon sacou na rede. Lipe sacou, Douglas Souza atacou, e o bloqueio jogou para fora. Depois seu saque curto não funcionou. 13 a 10. Lipe encaixou no fundo da quadra, para 14 a 10 e saque de Gustavão, que Evandro não deixou se transformar em ponto. 14 a 11. Saque forte de Leal defendido por Douglas Souza, e o longo ponto terminou sendo vencido pelo Sesi-SP no bloqueio. 15 a 11. O Cruzeiro descontou, fazendo seu 12º ponto. Douglas Souza descontou em seguida, abrindo novamente 4 pontos. O 17º veio depois do saque de Douglas Souza. O Cruzeiro teve calma para reduzir de 5 para 3 pontos a diferença. 17 a 14.

Evandro sacou na rede na volta do tempo pedido pelo Sesi-SP. Lucão sacou forte, a bola voltou de graça, mas o Sesi-SP não aproveitou, e depois de longo rali Simon cortou como se não houvesse bloqueio.

Depois de saques de Uriarte, ataque para fora de Douglas Souza, bloqueio de Simon e ataque de Leal permitiram ao Cruzeiro fazer dois pontos seguidos e empatar. O Sesi-SP voltou à frente com ataque de Lipe. Simon cravou, empatando de novo. Foi para o saque e errou.

Lipe sacou para fora. 20 a 20. E a virada veio depois de saque de Uriarte, ataque de Isac e bloqueio para fora. O Sesi-SP pediu tempo. Na volta, Franco pôs o Sesi-SP na frente de novo, mas Aracaju sacou mal, o que também aconteceu com Leal. 22 a 22. Douglas Souza marcou e deu de novo vantagem ao Sesi-SP. E o set point veio.

Piá entrou no lugar de William. Alan sacou forte, Serginho defendeu, Filipe jogou para fora, e o Sesi-SP empatou a partida em 2 sets a 2.

O jogo foi para o tie-break, começando com saque de William que bagunçou a defesa do Cruzeiro e permitiu a Lipe só colocar a bola. 1 a 0. O dois-toques de Douglas Souza deu o empate. Leal atacou e fez 2 a 1 para o Cruzeiro. Uriarte fez ace. Simon ganhou o quarto ponto em bloqueio.

O Cruzeiro foi abrindo vantagem, até a mudança de lado no oitavo ponto, com diferença de 4 pontos. Evandro sacou para fora, e o Sesi-SP fez o quinto. Nova inversão do Sesi-SP. Lipe matou o ponto depois do saque de Douglas Souza, e depois garantiu o seguinte com bloqueio. 8 a 7, e tempo para o Cruzeiro. Franco marcou o oitavo, e Lipe, num toquinho, pôs o Sesi-SP na frente, em 9 a 8. Isac empatou. Ainda com Uriarte sacando, abriu 2 pontos, 11 a 9. Lucão achou uma clareira no meio da quadra e reaproximou o placar. Em seguida sacou, e o ponto de empate veio em toque na rede de Leal.

O saque seguinte de Lucão foi na rede. Eder entrou sacando bem, e o Cruzeiro abriu para 14 a 11 e o match point. Alan atacou bem e não deixou a partida terminar. William sacou, mas Leal atacou sem chance de defesa, e o Cruzeiro venceu o primeiro jogo da final.