imagem google
Início do conteúdo

Sala de Crédito ajuda empresários a estabelecerem melhor estratégia de financiamento

Agentes financeiros realizaram na Fiesp atendimento empresarial exclusivo durante toda esta quarta-feira (24/09)

Fernanda Barreira, Agência Indusnet Fiesp

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) realizou nesta quarta-feira (24/09) mais uma edição da sua Sala de Crédito.

O objetivo do encontro, uma iniciativa do Departamento da Micro, Pequena e Média Indústria (Dempi) da Fiesp, é de informar e orientar os empresários sobre linhas de financiamento de longo prazo e facilitar o acesso ao crédito para as micro, pequenas e médias indústrias.

Tudo isso com uma orientação estratégica em demandas de financiamento para a aquisição de máquinas e equipamentos, construção ou reforma de instalações, bem como em projetos de pesquisas e desenvolvimento, exportação, projetos de sustentabilidade e também para obter capital de giro e compra de matéria-prima.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537847990

Empresários recebem atendimento na Sala de Crédito. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


Segundo Flávio Vital, assessor de Projetos de Pequena e Média Indústria do Dempi, a Sala de Crédito foi criada para facilitar a comunicação entre empresários e bancos. “No começo a gente atuava como uma espécie de tecla SAP do processo. Traduzindo o que o empresário pedia para o banco e o que o banco falava para o empresário.”

Hoje, além de atuar nessa interlocução, a Sala de Crédito mostra como melhorar esse relacionamento. “É um evento para as empresas estabeleceram uma estratégia de financiamento do próprio negócio. Nossa equipe explica como os bancos funcionam, que tipo de financiamento que eles podem fazer, entendemos como a empresa trabalha, o que ela precisa e alinhamos o discurso da empresa com o banco. Cada banco tem uma vantagem competitiva que atende necessidades diferentes”, garante Vital.

Para ele, a principal vantagem para o empresário é a possibilidade de ter essa percepção de vários agentes financeiros em um curto espaço de tempo, algo que não seria possível fora desse ambiente.

Durante o encontro foi oferecido atendimento empresarial exclusivo pelo Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Santander e Agência de Fomento Desenvolve SP.