imagem google

Fila para lançamento do Curso de Formação de Atores do Sesi-SP começou às 7h

Iniciativa tem lançamento oficial em espetáculo com trechos de musicais famosos na noite desta segunda-feira (24/03)

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

O jornalista Bruno Rizzato, de 21 anos, é o segundo da fila que se formou no vão do Teatro do Sesi-SP para assistir ao espetáculo de lançamento do Curso de Formação de Atores do Projeto Teatro Musical.

A primeira da fila era da namorada dele, que chegou à bilheteria do teatro às 7h, mas precisou deixar o lugar às 10h para trabalhar. “Como ela tinha que trabalhar, eu e meu amigo chegamos aqui às 10h. Eu estou guardando o lugar dela e o meu amigo segurando o segundo lugar pra mim”, explicou Bruno.

Rizzato: segundo colocado da fila e esforço pela namorada. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

Rizzato: segundo colocado da fila e esforço pela namorada. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

A partir das 20h30 desta segunda-feira (24/03), o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) apresentam uma aula show comandada pelo ator e diretor Miguel Falabella para apresentar a primeira turma do Curso de Formação de Atores em Teatro Musical, projeto iniciado pelas entidades em meados de 2013.

A intenção dos organizadores do espetáculo é homenagear o legado do teatro musical brasileiro. O evento reúne protagonistas de musicais que marcaram época e de produções em cartaz no Brasil.

Durante o show, o palco recebe Cláudia Raia e Jarbas Homem de Mello (Crazy For You), Laila Garin (Elis O Musical), Emílio Dantas (Cazuza), Danilo de Moura (Tim Maia), Saulo Vasconcelos (A Bela e a Fera), Sara Sarres (O Fantasma da Ópera), Kiara Sasso (A Noviça Rebelde), Ester Elias e Marcos Tumura (Les Misérables), Amanda Acosta (My Fair Lady), Rachel Ripani, Andrezza Massei (Mamma Mia!), Cleto Baccic (Cats), Bianca Tadini (West Side Story), Cláudio Galvan (Império), Paula Capovilla (Evita) , e o elenco de “A Madrinha Embriagada”.

Os ingressos, gratuitos, são distribuídos por ordem de chegada, a partir das 19h30, na bilheteria do Teatro do Sesi-SP.

A fila para conseguir um ingresso para a aula show comandada pelo ator e diretor Miguel Falabella para apresentar a primeira turma do Curso de Formação de Atores em Teatro Musical. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

A fila para conseguir um ingresso para a aula show comandada pelo ator e diretor Miguel Falabella para apresentar a primeira turma do Curso de Formação de Atores em Teatro Musical. Foto: Beto Moussalli/Fiesp


“Passei a gostar mais ainda de musical depois que conheci a minha namorada. Estou ansioso para ver a Sara Sarres e o Miguel Falabella”, afirmou Bruno enquanto terminava um lanche que conseguiu comprar. “Eles deixam a gente sair da fila por até 30 minutos, então comprei o que deu”, completou.

Ele analisou ainda que ações como essa, de graça, são importantes para estimular o público desse tipo de espetáculo. “É um público recente, dos últimos dez anos, graças às produções da Broadway”.

Paixão por musicais

Irene Caldeira, de 20 anos, é estudante de Rádio e TV e a quinta da fila. Ela contou que chegou à bilheteria do teatro na Fiesp às 10h. Para lutar por seu ingresso, faltou à aula de um curso obrigatório do estágio.

“Estou aqui por dois motivos: para ver meu amigo, que é aluno do curso de formação de atores, e para ver a Sara Sarres e o Saulo”, contou. “Sou apaixonada por musical. Isso é incrível. Quando vão conseguir juntar todos esses musicais em um só evento de novo?”, completou.

Irene: “ Quando vão conseguir juntar todos esses musicais em um só evento de novo?”. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

Irene: “ Quando vão conseguir juntar todos esses musicais em um só evento de novo?”. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

O metalúrgico João Eduardo dos Santos, de 46 anos, chegou uma hora mais cedo que Irene, mas conseguiu o nono lugar na espera. Afastado do trabalho para se recuperar de uma cirurgia, ele aproveitou o dia livre para tentar garantir um lugar na plateia do espetáculo para a filha, que tem 17 anos.

“Ela faz teatro no colégio e desde pequenininha manda bem. Eu estou aqui por ela. Pai é pai, né?”, disse.