imagem google
Início do conteúdo

“No Brasil, obras que estão em andamento precisam de recursos”, afirma especialista

Mario Humberto Marques, vice-presidente da Sobratema, palestrou na reunião plenária do Deconcic

Anne Fadul, Agência Indusnet Fiesp

O Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) se reuniu na tarde nesta segunda-feira (8/6) para discutir o atual momento no setor. E um dos destaques do encontro foi a participação de Mario Humberto Marques, vice-presidente da Associação Brasileira de Tecnologia para Equipamentos e Manutenção (Sobratema) e diretor da Alusa Engenharia S/A.

Na avaliação de Marques, a expectativa é que o governo estabeleça novas concessões de infraestrutura, que se transformarão em obras a partir de 2016. “Para isso ocorrer, serão necessárias ações de ajuste fiscal e adequações nos programas de concessão para que saiam do papel licitações em áreas de portos e ferrovias, por exemplo”, disse.

Segundo ele, são mais de seis mil obras em andamento, projeto e intenção, contabilizadas e divididas em setores da economia como transportes, energia, óleo & gás, saneamento, habitação e outros.

“Se esses empreendimentos forem realizados, haverá uma mudança positiva no segmento. As obras que estão andamento precisam de recursos e as que serão concedidas precisam de investimentos”, afirmou o vice-presidente.

O deputado Itamar Borges também esteve presente e se colocou à disposição para ajudar a alavancar o setor. “É importante integrar força política nas esferas municipal, estadual e federal”.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537862378

Carlos Eduardo Pedrosa Auricchio (esq), diretor do Deconcic, e deputado Itamar Borges. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


Batimat 2015
Ainda durante o encontro, Maria Luiza Salomé, diretora titular adjunta do Deconcic, confirmou presença do departamento na Missão Empresarial Batimat 2015, que acontece de 2 a 6 de novembro, em Paris.

Também foi apresentada uma síntese das atividades desenvolvidas recentemente pelo departamento. A reunião foi coordenada elo diretor titular do Deconcic, Carlos Eduardo Pedrosa Auricchio.

Clique aqui e veja apresentações da reunião do Deconcic.