imagem google
Início do conteúdo

Mão de obra na construção e inspeções técnicas em edificação foram avaliadas na Fiesp

Representantes de associações e indústrias que compõem a cadeia produtiva da construção se reúnem em grupos de trabalhos para análises e elaboração de propostas

Dulce Moraes, Agência Indusnet (com informações do Deconcic)

Na manhã desta segunda-feira (14/4), o Grupo de Trabalho de Segurança em Edificações do Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) da Fiesp teve reuniões de dois de seus subgrupos para avaliar melhorias para o setor.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537456897

Reunião do subgrupo de Legislação, Normalização e Estratégico do Grupo de Trabalho Segurança em Edificações do Deconcic. Foto: Helcio Nagamine/FIESP

Mão de obra qualificada para o setor e certificação foram os aspectos avaliados pelo primeiro subgrupo, logo no início do dia.

O encontro contou com a participação do presidente do Sindicato da Indústria de Instalações Elétricas, Gás, Hidráulicas e Sanitárias do Estado de São Paulo (Sindinstalação), José Silvio Valdisserra, que apresentou um panorama sobre os aspectos da mão de obra desse segmento de mercado.

Por parte do segmento de materiais da construção, a engenharia civil Laura Marcellini, da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), apresentou o histórico das ações sobre o tema mão-de-obra em seu setor.

Ainda pela manhã, outro sub-grupo de trabalho que esteve reunido na sede da Fiesp: o de Legislação, Normatização e Estratégico.

Durante o encontro, avançaram-se as análises dos aspectos que precisam ser aprimorados em dois Projetos de Lei relacionados à obrigatoriedade de inspeções técnicas em edificações: o PL nº 6014/2013 (que determina a realização periódica de inspeções em edificações e cria o Laudo de Inspeção Técnica de Edificação) e o PL nº 3370/12 (que determina a realização de vistorias periódicas na estrutura de edifícios públicos e privados).

O encontro foi liderado por Valdemir Romero, diretor do Deconcic e coordenador do subgrupo de Legislação, Normalização e Estratégico,  e contou com a participação de Alessandra Cristina Nascimento da Mota, advogada e coordenadora do Núcleo de Acompanhamento Legislativo da Fiesp.