imagem google
Início do conteúdo

Fiesp recebe lançamento de livro de Albano Franco

Ex-presidente da CNI autografou livros e foi cumprimentado pelo presidente da Fiesp e empresários

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

O empresário e advogado Albano Franco, de 73 anos, lançou na noite desta segunda-feira (26/05), na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o livro “Minha trajetória na Confederação Nacional da Indústria: contra a recessão e pelo desenvolvimento”, livro em que conta os 14 anos (1980-1994) que ele foi presidente da CNI.

No coquetel, Franco autografou livros em um evento que contou com a presença do presidente da Fiesp, Paulo Skaf; e do 1º e 2º vice-presidentes da entidade, Benjamin Steinbruch e João Guilherme Sabino Ometto.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537869566

Albano Franco com Paulo Skaf: “Fiesp é uma trincheira do desenvolvimento industrial” , disse o ex-presidente da CNI. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


“Agradeço a honra de o presidente Paulo Skaf ter aberto as portas para que eu pudesse lançar meu livro na sede da Fiesp, uma entidade que é trincheira do desenvolvimento industrial”, disse Franco à reportagem enquanto autografava livros para empresários, diretores da Fiesp e dirigentes sindicais.

Skaf disse que não teve o privilégio de lidar com Franco quando ele comandava a CNI, mas que posteriormente ouviu falar tratar-se de um grande presidente, que liderava as pessoas e era admirado pelos funcionários, e que, ao conhecê-lo, percebeu que aquele homem carismático que lutava pela indústria do Brasil era alguém “extraordinário”.

“Vim aqui parabenizá-lo não só pelo livro, mas pelo grande exemplo que ele é”, afirmou Skaf após receber um exemplar com uma dedicatória.

Steinbruch revelou que Albano é um amigo de muitos anos. “Tenho muito carinho por ele. É um homem de sucesso é um exemplo para nós.”

“Para mim é muito importante. É um grande empresário que lutou não só na política empresarial, mas na política nacional”, disse Ometto. “Essa ligação dele com a Fiesp muito nos honra.”

Outro que fez questão de cumprimentar Albano foi o jurista Nelson Jobim, ex-ministro da Defesa e ex-presidente do Supremo Tribunal Federal. “Conheço Albano há 30 anos. Foi um empresário de grande visão nacional e principalmente um amigo dos amigos. Sergipe deve muito a ele”, resumiu Jobim.