imagem google

Delegação do Ministério do Trabalho da Coreia do Sul visita escola do Senai-SP

Visita é resultado de esforços sul-coreanos e brasileiros para trocar experiências de capacitação profissional

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

O diretor do Departamento de Políticas de Capacitação Profissional do Ministério do Trabalho e Emprego da Coreia do Sul, Jong Kil Park, visitou nesta quarta-feira (12/8) a escola Mariano Ferraz do Serviço Nacional de Aprendizagem de São Paulo (Senai-SP). O objetivo da visita foi manifestar o interesse sul-coreano em formar parcerias de cooperação e troca de expertise na formação profissional.

“Por meio desse encontro de hoje, gostaria de concretizar uma parceria com a instituição em áreas de tecnologia e capacitação de profissionais”, afirmou Park.

Ele conheceu as instalações da escola Mariano Ferraz, na Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo, acompanhado por uma equipe do governo sul-coreano, entre eles o presidente do Serviço de Desenvolvimento de Recursos Humanos da Coreia, Young-bum Park, e o coordenador administrativo do Consulado Geral da República da Coreia, Sung Bum Noh.

O encontro dessa quarta-feira, conduzido pelo superintendente do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni Gonçalves, reflete esforços do Brasil e da Coreia do Sul em trocar experiências no campo da formação profissional.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1542782050

Sul-coreanos buscam no Brasil parceria para formação profissional. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


Em junho deste ano, durante a Conferência Internacional do Trabalho na Suíça, o ministro do Trabalho, Manoel Dias, e o ministro sul-coreano, Lee Ki-Kweon, decidiram intensificar o intercâmbio entre servidores públicos, e outros especialistas, de ambos países para estimular a capacitação de profissionais.

A equipe que visitou a escola do Senai-SP deve se reunir nesta quinta-feira (13/8) em Brasília com Dias, segundo Park.

“Amanhã vamos nos reunir com o Ministério do Trabalho e esperamos ter algum acordo complementar para fortalecer o laço entre os dois países”, disse a autoridade sul-coreana.

O diretor técnico do Senai-SP, Ricardo Terra, também participou da visita de autoridades da Coreia do Sul.

Também nesta quarta-feira, a escola da Vila Leopoldina recebeu a visita de uma delegação russa e de um grupo da Índia, profissionais da indústria que estão passando por São Paulo por conta da competição mundial de educação profissional WorldSkills São Paulo, que acontece no Centro de Convenções do Anhembi até este domingo.

Mais de mil jovens de 60 países participam da maratona de provas. Eles vão disputar as medalhas de ouro, prata e bronze em mais de 50 ocupações da indústria. Na equipe brasileira, 19 dos 56 competidores são alunos do Senai-SP.