Conceitos de universos orientam as direções criativas para a Primavera-Verão 2015/2016

Especialistas do Senai-SP detalham as tendências que devem guiar as estratégias de mercado e os profissionais do mundo da moda de vestuário

Dulce Moraes, Agência Indusnet Fiesp

O universo foi elemento retratado nas direções criativas da edição Primavera-Verão 2015/2016 do caderno Senai Mix Design, elaborado por especialistas do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP). Esse conceito foi abordado nos temas: “Multiverso”, “Comuniverso” e “Euniverso”.

Em evento realizado na terça-feira (20/01) no auditório do Centro de Design de Moda do Senai-SP, as designers de moda Andressa Campideli, Debora Catelani e Alessandra Lanzeloti explicaram os fatores e as referências de cada uma dessas tendências, apresentaram a paleta de cores predominante em cada uma e, ainda, os tipos de tecidos, texturas e formas que serão tendência para a moda de vestuário feminino, masculino e infantil.

Veja um resumo das tendências para cada uma das três direções criativas:

Multiverso

Andressa Campideli, designer de moda do Senai. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Para especialista Andressa Campideli, essa tendência resume a busca do homem por universos desconhecidos, seja o espacial sideral ou o mundo submarino. Também traz a referência da ficção científica, das conexões e do uso cada vez frequente das tecnologias sem fio.

“Hoje, temos as mídias sociais e não dá para esquecer que o nosso consumidor tem acesso a elas a todo tempo, seja no smartphone ou tablets. Portanto, é preciso pensar em aproximar os produtos desses consumidores que são aficionados por esse mundo galáctico e desconhecido”, recomendou.

Andressa explicou  que essa tendência também tem a ideia de cuidado com o meio ambiente e os empresários não podem deixar de explorar essa consciência ambiental em seus produtos.

A paleta de cores da tendência “Multiverso” destaca o azul, nos tons mais escuro (como o sideral) ao mais claro, além do lilás (nebulosa), verde profundo (alga), tons galácticos de cinza, prata, metalizados e branco e preto.

Para a moda feminina, a tendência são as formas alongadas e fluídas, com mais movimento e leveza, trazendo sensualidade, recortes assimétricos, transparências, presença de nós e franjas.  Nas coleções masculinas, as apostas são os cortes assimétricos, a silhueta slim e  uma fusão entre alfaiataria e sportwear nos tecidos acetinados, telados e também a malha mesh.

Silhueta fluída e delicada é a posta dessa tendência para a moda infantil, com tecidos leves, discretas transparências, estampas e bordados.


Comuniverso

A designer de moda Debora Catelani no lançamento do Senai Mix Design. Foto: Everton Amaro

A busca pela valorização do coletivo, das relações humanas e das culturas  diversas é a inspiração do conceito “Comuniverso”.

Na opinião da designer de moda Debora Catelani, essa tendência mostra o crescente interesse das pessoas pela história e pelas culturas exóticas, o que tem sido propiciado pela facilidade de mobilidade de conhecer e explorar territórios sem sair de casa. “Há um hibridismo muito grande porque a gente olha para as coisas e não sabe mais a origem. São misturas de referências culturais, étnicas e de comportamentos fundidas em produtos e no nosso cotidiano. É uma grande fusão”, explicou.

A designer destacou ainda a ascensão dos produtos “on demand”, em que cada vez mais os produtos são realizados para atender a necessidades e preferências do consumidor.

Para essa tendência, a paleta de cores traz tons mais vivos mesclando os terrosos com as cores vibrantes.

Na moda feminina serão destaques as franjas, patchwork, bordados, silhuetas grandes e cropped (recortado), cintura alta, pantalona, flears, e mangas largas.

Para a moda masculina a silhueta será mais quadrada em modelagens amplas e largas, com tecidos trabalhados em dupla face, sarjas estampadas, denins, camisa de gola estilo paletó, decote em “V” alogando e as listras irregulares.

No vestuário infantil, a inspiração mescla o moderno e o artesanal, com peças em denin estampado ou temas tropicais com flores e frutas e o xadrez vichi. Haverá predominância também da gola padre e suas variações e das regatas em malha com detalhes aplicados e listras.

A designer Alessandra Lanzeloti alertou sobre os cuidados com acessórios e apliques em roupa infantil, pois está para sair uma norma sobre esse tipo de produto.

Euniverso

Alessandra Lanzeloti no lançamento do Senai Mix Design. Foto: Everton Amaro

A individualidade, a busca pela felicidade, pela espiritualidade, pelo autoconhecimento e pela paz interior são os enfoques da direção criativa Euniverso’. “Essa inspiração está relacionada com a vida descomplicada, com um certo despojamento”, explicou Alessandra Lanzeloti.

Nesse contexto, a designer destacou a importância de a área de desenvolvimento de produtos levar em conta as preocupações da sociedade atual, como o respeito às mulheres nas diversas culturas e outros temas como a busca pelo direito à igualdade racial, respeito a homoafetividade, entre outros.

Outro exemplo do enfoque ao “indivíduo” é a  participação do  consumidor na elaboração dos produtos, como na campanha “Cocriar” da indústria de cosmético Natura, que permite que o consumidor contribua para a elaboração dos produtos da marca.

A paleta de cores dessa tendência traz muitos azuis, verdes, lilases, arroxeados, laranja, tons zen, nude e pele. O branco, por outro lado, será a cor predominante na estação.

Para a moda feminina, a silhueta está mais descomplicada, elegante e minimalista em peças amplas, estilo esportivo e macacões unissex.

Para o público masculino, a moda será a silhueta alongada, andrógena, com ganchos baixos e estilo casual. Os tecidos terão um aspecto amassado e molhado e com malhas aparentando estar delicadamente puídas e rasgadas. Há ainda a mistura do terno com camiseta e a subtração de elementos da roupa, como uma camisa sem manga ou gola.

Na moda infantil há predominância de cores como o azul, laranja, verde e branco em silhuetas descomplicadas, confortáveis e em tecidos de algodão e linho com aparência de lavado e amassado. Composições calmantes e lúdicas.