imagem google
Início do conteúdo

Campeões da indústria e dos serviços disputam torneio em São Paulo

Maior competição de formação profissional do mundo, em agosto, terá 19 competidores do Senai-SP

Alex de Souza, Agência Indusnet Fiesp

Eles são os mais rápidos. Os mais precisos. Os mais habilidosos. Praticam o tempo todo, até chegar o mais perto possível da perfeição. Eles são os verdadeiros campeões da indústria e do setor de serviços, apesar de nenhum deles estar nas pistas, piscinas, quadras e campos. O terreno da competição deles é –ou melhor, será um dia– o chão de fábrica, os escritórios e oficinas.

A capacidade dos alunos de escolas profissionais vai ser testada mais uma vez na WorldSkills São Paulo 2015, o principal torneio de formação profissional do mundo, que acontece entre os dias 11 e 16 de agosto. Este ano a competição, com mais de 50 países participantes, será feita em São Paulo. A equipe brasileira tem 56 “atletas”, dos quais 19 (34%) são do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-SP).

Os competidores que representarão a indústria paulista são dos municípios de Araraquara, Bauru, Diadema, Marília, Pompeia, Rio Claro, São Paulo e Votuporanga. Todos eles passaram por disputas estaduais e pela Olimpíada do Conhecimento, etapa nacional da competição, além de outras seletivas organizadas pelo Senai Nacional.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537604155

Participante da edição 2013 da São Paulo Skills em Funilaria Automotiva. Foto: Everton Amaro/Fiesp


Em sua 43ª edição, a WorldSkills deve reunir mais de 1,2 mil jovens de 63 países. Todos os competidores têm menos de 22 anos de idade e disputam medalhas em 50 profissões da indústria e do setor de serviços. As provas têm duração de quatro dias, e os competidores são desafiados a alcançar índices de excelência durante a execução das tarefas, que são semelhantes às que realizariam no ambiente de trabalho.

De competidor a técnico

Em 2013, no torneio realizado na Alemanha, o Brasil ficou em segundo lugar na classificação geral. Das 12 medalhas conquistadas pela delegação brasileira, sete vieram para São Paulo: duas de ouro, quatro de prata e uma de bronze.

Um dos gritos de campeão veio do ex-aluno Richard Silva, que subiu ao lugar mais alto do pódio representando a modalidade de Polimecânica. Aluno da Escola Senai “Roberto Simonsen”, de São Paulo, foi o melhor do mundo em sua prova. Hoje, ele é o responsável pelo treinamento de Felipe Gutierra, competidor que representará a escola este ano.

“Para competir na modalidade de Polimecânica, precisamos conhecer eletroeletrônica, pneumática, fabricação e montagem de peças, além de automação. Já consegui corrigir alguns erros e estou confiante para representar meu país na competição”, explica Felipe, que é técnico em mecânica e fez o curso de Aprendizagem Industrial em Mecânica de Usinagem.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1537604155

Participante da edição 2013 da São Paulo Skills. Foto: Everton Amaro/Fiesp


Também da capital paulista, o aluno Abner Colombati sonha com a medalha de ouro na WorldSkills São Paulo. Matriculado no curso de Confeitaria Básica da Escola Senai “Horácio Augusto da Silveira”, o desempenho do jovem chamou a atenção dos instrutores, que lhe fizeram primeiramente o convite para participar da Olimpíada do Conhecimento. “Quando comecei a treinar, percebi que era bom nisso. Descobri que realmente tinha talento para a profissão”.

Na WorldSkills São Paulo, o aluno disputará a modalidade Confeitaria com mais 21 competidores de todo o mundo. “Tenho chances reais de conseguir uma medalha para o Brasil”.

Essa é a primeira vez que uma cidade da América Latina recebe o evento, organizado este ano pelo Senai. A competição ocupará 213 mil metros quadrados do Anhembi Parque, abrangendo o Pavilhão de Exposições, Sambódromo e o Palácio de Convenções.

Competidores do Senai-SP na WorldSkills São Paulo 2015

Felipe Augusto Gutierra – Polimecânica – Brás
Danilo Rodrigues Oliveira – Cabeamento Estruturado de Redes – Santo Amaro
Alex Massayuki Yonekubo – Manufatura Integrada – Pompeia-SP
Fabiana Bonacina – Manufatura Integrada – Pompeia-SP
Guilherme Henrique Attis Campanez – Manufatura Integrada – Pompeia-SP
Leandro Ericles Frozino Rumaqueli – Desenho Mecânico em CAD – Araraquara-SP
Patrick Herman A. da C. Ens – Soluções empresariais Software – Santo Amaro
Thiago A. Blanco da Costa – Aplicação de Revestimentos Cerâmicos – Bauru-SP
Matheus de Sousa Arruda – Funilaria Automotiva – Ipiranga
Giovanni Kenji Shiroma – Web Design – Santo Amaro
Diego Soares de Oliveira – Movelaria – Votuporanga-SP
Luiz Felipe de Moraes de Souza – Carpintaria de Telhados – Rio Claro-SP
Abner Colombati Pereira – Confeitaria – Barra Funda
Luis Carlos Sanches Machado Junior – Tecnologia Automotiva – Bauru-SP
Lucas Pescinelli Luquianhuk – Pintura Automotiva – Bauru-SP
Carlos Eduardo Camargo de Araújo Silva – Design Gráfico – Santo Amaro
Mailson Valério de Oliveira – Engenharia de Moldes para Polímeros – Brás
Daniel de Oliveira Gomes – Caldeiraria – Diadema-SP
Iracema de Arruda Vilalva – Panificação – Marília-SP

Clique aqui para saber mais sobre a WorldSkills