Alunos do Senai-SP conquistam 5 medalhas no maior torneio de profissões do mundo

Mateus Henrique Dias Morel, de São José do Rio Preto, foi ouro na modalidade Tornearia CNC e o melhor competidor do Brasil, que ficou em segundo

Alex de Souza, Agência Indusnet Fiesp

O Senai-SP conquistou um terço das medalhas do Brasil na WorldSkills Abu Dhabi 2017, o maior torneio de profissões do mundo, realizado de 14 a 19 de outubro. Na modalidade Tornearia CNC, a medalha de ouro ficou com o aluno Mateus Henrique Dias Morel, da Escola Senai Antonio Devisate, de São José do Rio Preto. Ele também foi o competidor com maior pontuação entre os 56 brasileiros que foram para o Oriente Médio.

Da Escola Senai Armando de Arruda Pereira, de São Caetano do Sul, saiu a medalha de prata na modalidade Desenho Mecânico em CAD, para o aluno Kévin Affonso Rocha Nascimento. Também conquistou a prata, na modalidade Manutenção Industrial, o competidor Kennedy Yoshinori de Souza Yamashita, da Escola Senai Nadir Dias de Figueiredo, de Osasco. A terceira medalha de prata veio da Escola Senai de Lençóis Paulista, com Michael Cesar Ferraz, na modalidade Construção de Estruturas Metálicas. Por fim, o medalhista de bronze foi o aluno Rui Lombardi Neto, da Escola Senai Henrique Lupo, de Araraquara.

Na colocação geral o vencedor da competição foi a Rússia. O Brasil se mantém na elite da educação profissional e alcançou a segunda colocação no ranking geral da competição, à frente da China (terceira) e Coreia do Sul (quarta colocada). A delegação brasileira conquistou 15 medalhas e 26 certificados de excelência profissional. Foram 7 medalhas de ouro, 5 de prata e 3 de bronze.

Mateus Henrique Dias Morel, de São José do Rio Preto, ouro na modalidade Tornearia CNC. Foto: Divulgação/WorldSkills