imagem google
Início do conteúdo

‘A indústria cumpre o seu papel’, diz presidente da Fiesp em entrevista para rádio

Paulo Skaf destacou o fato de que a educação “é a única forma de dar oportunidades iguais”

Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), Paulo Skaf, foi entrevistado, nesta quinta-feira (13/02), pelas locutoras Camila Ravanelli e Telma Gobbi, da Rádio Auriverde, de Bauru, no interior paulista. O superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni Gonçalves, também participou da entrevista.

Em sua participação, Skaf destacou que “a única forma de dar oportunidades iguais é oferecer educação de qualidade para as pessoas”. “Certamente assim você transforma a sociedade. Assim, não vamos precisar de penitenciárias para esses jovens”, disse.

De acordo com Skaf, o Senai-SP vai ter 1 milhão de matrículas e o Sesi-SP 500 mil matrículas em 2014. “A indústria cumpre o seu papel”, afirmou.

Ao responder a pergunta de uma ouvinte sobre a possibilidade de matricular um filho na unidade do Sesi-SP de Bauru, o presidente da instituição explicou que a prioridade “é dos filhos de industriários”, mas, se as vagas não são preenchidas, são abertas para toda a comunidade. “Por isso,  40% dos nossos alunos são da comunidade, não filhos de trabalhadores da indústria”.

Perguntado sobre as novidades do Sesi-SP em Bauru, Vicioni explicou que a unidade será ampliada. “Vamos aumentar o Sesi de Bauru, é apenas uma questão de acertar o terreno, que fica ao lado da escola”, disse.