Sanphar: Ações de sustentabilidade e responsabilidade social

Conscientização ambiental, orientação sobre segurança e saúde no trabalho e reciclagem são os temas das ações promovidas pela indústria

Texto: Karen Pegorari Silveira/ Divulgação

Ação ambiental da Sanphar

Há três anos, a indústria veterinária Sanphar, localizada na cidade de Campinas, interior de São Paulo, criou o Comitê de Sustentabilidade com o objetivo de propor mudanças de valores na vida das pessoas, da empresa e da comunidade local. Para isso o comitê, formado por 12 funcionários, elaborou diversos projetos embasados nas temáticas de responsabilidade social e meio ambiente.

Os primeiros programas, em parceria com o Sesi-SP, trataram a questão do desperdício de água e a saúde dos trabalhadores. Com palestras em uma escola para crianças de 7 a 12 anos, a ‘Semana do Meio Ambiente’ abordou a questão do uso consciente da água. Com o ‘Indústria Saudável’, os funcionários puderam fazer exames de glicemia, monitorar a pressão arterial, analisar seu IMC e ainda tiveram orientação nutricional para um estilo de vida mais saudável.

A ‘Festa da Árvore’ é outra ação interessante formulada pelo comitê. Em uma área de 1800 m², os filhos e sobrinhos de cada funcionário podem plantar uma árvore nativa, adotar essa árvore e ainda colocar uma plaquinha com seu nome; além disso, essa criança participa periodicamente da sua adubação e irrigação.

Campanhas de corrida de rua, doação de agasalhos, descarte correto de resíduos perigosos ao meio ambiente, coleta seletiva, programas de voluntariado, entre outros exemplos também fazem parte do escopo responsável da empresa.

Outra iniciativa de sucesso é otrabalho de redução de resíduos para incineração que a Sanphar realiza. Além de contribuir para a qualidade do ar e diminuição do efeito estufa, a restrição de itens incinerados proporciona ganho econômico. Essa ação reduziu 18,7% a quantidade destinada a incineração e gerou uma economia de mais de R$28 mil para a empresa em dois anos, graças ao desenvolvimento de uma nova forma de destinação, o coprocessamento, que consiste na destruição térmica dos resíduos com a substituição parcial da matéria-prima e/ou do combustível, o resíduo servirá novamente para uso de produção de energia.

Ações internas também contribuíram para a inserção da sustentabilidade na estratégia empresa. Programas de conscientização dos funcionários ensinaram a economizar papel e água. Oresultado foi a economia de mais de 100 mil folhas de papel e 940 mil litros de água no período de 1 ano.

O Diretor Geral Marcelo Ziani atesta as ações sustentáveis da empresa. “Nestes quatro anos de atuação do Comitê verificamos a realização de inúmeros projetos ambientais, muitos deles com grande retorno financeiro e que facilmente mostraram os benefícios da implantação das políticas sustentáveis na empresa. No caso das nossas ações sociais, consideradas prioritárias, mas com maior dificuldade de mensuração, também observamos excelentes resultados nas mudanças no comportamento e nas atitudes das pessoas, e principalmente das crianças que participaram dos projetos da empresa”, avalia.

Em 2013, o Comitê de Sustentabilidade SANPHAR esteve entre as 11 empresas que receberam o troféu Curuca de Sustentabilidade, premiação promovida pela revista Feed&Food, por ter iniciativas sustentáveis dentro da organização.

 

Para 2014, o Comitê de Sustentabilidade SANPHAR pretende dar continuidade aos projetos iniciados e estuda a viabilidade de ampliação de mais ações na comunidade do Campo Grande e na própria empresa. Também pretende continuar a parceria com o SESI e a Prefeitura de Campinas.