Cases de Empresas Participantes do NAGI-PG

Empresários de diversos setores falam de sua experiência e dos resultados obtidos com a participação no programa Núcleo de Apoio à Gestão da Inovação na Cadeia de Petróleo e Gás (Nagi-PG). Assista aos depoimentos:

“”.
Guilherme Gonçalves, Diretor Executivo da Limpgas Tecnologia

 

“”.
Edson Jorge, Diretor Comercial e de Desenvolvimento da Finetornos

 

“”.
Arão Bibe, Presidente do Grupo BNC

 

“Nossa empresa atua com gases industriais e, mais recentemente, com gases naturais. Sempre trabalhamos com inovação mas sem o direcionamento devido. O programa Nagi nos ajudou a sistematizar e a melhorar os recursos da inovação e também o nosso networking promovendo uma interação com outras empresas e com o próprio mercado”
Fernando Pereira (Energy Engenharia)

“A empresa (de soluções para tratamento do ar) sempre teve como foco a cadeia de petróleo e gás, tanto onshore como offshore. No Nagi a troca de informações sempre foi muito importante e estamos crescendo juntos. Caminhar sozinho é muito difícil. A empresa tem que procurar conhecimento e ir em direção ao mercado e o Nagi é o melhor caminho porque lá a informação é democrática e transparente”
Antonio Luiz Schilliró (A.R. Ar Condicionado e Engenharia)

“O maior impacto que o Nagi trouxe para a nossa empresa foi na sistematização da inovação. Todo o conteúdo que a gente recebeu mais o apoio dos consultores vem garantir a implantação sistêmica da inovação. Não tem como se competir fazendo mais do mês e a inovação é um dos pilares fundamentais de uma empresa”.
Roney Ritschel, Microblau Controles e Automação

“Começamos a participar do Nagi e percebemos que teríamos que rearranjar nossas duas empresas para ajustar os resultados às estratégias de mercado. Não tínhamos um plano de inovação e só trabalhávamos por projeto, o que trazia certa ineficiência. A partir do Nagi revisemos o posicionamento das duas empresas de maneira que elas estariam separadas porém interligadas por suas expertises. Já decidimos alçar novos voos para desenvolver uma tecnologia inédita no Brasil”.
Marcelo Meirelles, Planeta Azul e Planeta Eco

 

VEJA OUTROS DEPOIMENTOS:

Juliana Araújo Pereira, Roney Ritschel e Antônio Luis Schilliró

Francisco Carlos Rodrigues e Flavio Nakashima