imagem google

Iniciativas Sustentáveis: Bayer – Apostando na Diversidade


Indústria farmacêutica investe em ações não discriminatórias e é premiada pela Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial (SMPIR) e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544751316

Por Karen Pegorari Silveira

Segundo dados divulgados recentemente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no terceiro trimestre deste ano, dos 13 milhões de desempregados no país, 8,3 milhões (63,7%) eram pretos ou pardos. A pesquisa revela ainda que esta população chega a receber 55% a menos (R$1.531) que a população branca (R$ 2.757). E quando se analisa o ambiente executivo e de gestão há ainda menos diversidade. Nas 500 maiores empresas do país existe apenas 4,7% de negros em cargos executivos.

Este cenário é o que tem feito muitas empresas repensarem seus modelos de gestão, como fez a Bayer, sob a direção do CEO Theo van der Loo, ao levantar a bandeira do “Respeito do Diverso”.

A farmacêutica promove o tema através de variadas ações dentro do seu Programa de Diversidade. São encontros, palestras e debates divididos em grupos por afinidade. Com a ação Blend, iniciativa global para despertar a consciência dos colaboradores para as questões LGBT, o intuito é promover um ambiente sadio, confiável, livre de preconceitos e íntegro para todos. Com o BayerAfro, a empresa deseja que os colaboradores reflitam a distribuição afrodescendente da sociedade brasileira em todos os níveis hierárquicos. O Bay-In visa fortalecer a cultura e as práticas de gestão que tornam a Bayer uma empresa aberta, inclusiva, segura, respeitosa e acessível à diversidade humana no relacionamento com todos os stakeholders. O All In promove a equidade de gênero e o respeito à individualidade por meio do diálogo e do engajamento de todos para uma vida melhor.

Todos esses grupos contam, desde junho de 2016, com sponsors da liderança da organização para auxiliarem na educação e na transformação dos temas para ações práticas dentro das divisões.

Duas parcerias também foram firmadas: uma com a Fundação Dom Cabral a fim de sensibilizar todos os gestores sobre os benefícios da diversidade, e outra com a EmpregueAfro, consultoria que seleciona profissionais negros para concorrer a cada vaga que a Bayer abre externamente.

Todos esses esforços levaram a companhia, em 2015, a ser reconhecida pela Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial (SMPIR) e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no 1º Prêmio São Paulo Diverso, que celebra esforços corporativos, individuais e coletivos no campo das ações afirmativas dentro do mercado de trabalho;

Segundo Theo van der Loo, CEO da Bayer e principal defensor da diversidade no mercado de trabalho, o papel dos CEOs como influenciadores é fundamental para fomentar este tema no país.

Sobre a Bayer

De acordo com o último censo interno realizado em 2014, dos 4 mil funcionários da Bayer, no Brasil, 14% são negros.  A meta da empresa, até 2020, é ter 20% de estagiários negros.