5 mil pessoas com deficiência devem ser incluídas no mercado de trabalho

Medicina do Trabalho

Os procedimentos aplicados na indústria para inclusão das pessoas com deficiência foi um dos temas discutidos no seminário "Medicina do trabalho e segurança ocupacional na inclusão da pessoa com deficiência", realizado nesta segunda-feira, na sede da Fiesp.

O programa "Meu Novo Mundo" criado pela Fiesp, em 2014, pretende oferecer 5 mil vagas de trabalho  para as pessoas com deficiência até o fim desse ano.